Conheça os dez estádios da Copa América 2016

Texto: Gustavo Castelano
Na tarde desta quinta-feira (19), a CONCACAF anunciou os dez estádios que serão sede da Copa América 2016. A competição, que ocorrerá em junho do ano que vem, será uma edição especial, comemorando o centenário da Copa América. O torneio contará pela primeira vez com 16 equipes. Os estádios já são conhecidos pelos fãs de NFL.
 
Gillette Stadium (Boston): O estádio foi inaugurado em 2002, e é a casa do New England Patriots na NFL, e do New England Revolution na MLS. Com uma capacidade de 68.765 lugares, e com 87 suítes, o estádio é administrado por Robert Kraft, dono de ambos os clubes.
Levi’s Stadium (San Fransisco): Localizado no condado de Santa Clara, é a casa do San Fransisco 49ers na NFL. Inaugurado em Agosto de 2014, o Levi’s Stadium sediou o WrestleMania 31, e será a sede oficial do Super Bowl 50, em 7 de fevereiro de 2016. A capacidade é de 68.500 lugares (que pode ser expandido para 75.000).
Rose Bowl (Los Angeles): O estádio que recebeu a final da Copa de 94, tem esse nome devido as mais de 100 variedades de rosas plantadas ao seu redor. O Rose Bowl foi fundado em 1922, e foi a casa do Los Angeles Galaxy por sete anos. A sua capacidade é de 95.542 espectadores.
NRG Stadum (Houston): A casa do Houston Texans foi palco de uma das maiores polêmicas do show business americano. Durante o show do intervalo do Super Bowl XXXVIII, ocorreu o célebre “incidente” entre os cantores Justin Timberlake e Janet Jackson. O estádio tem 71.500 lugares.
CenturyLink Field (Seattle): Localizado em Seattle, a casa do Seattle Seahawks é considerado o estádio mais barulhento da NFL. A sua capacidade é de 67.000, e foi inaugurado em 2002. O estádio também é a casa do Seattle Sounders.
University of Phoenix Stadium (Phoenix): O palco do último Super Bowl, é a casa do Arizona Cardinals. Antes chamado de Cardinals Stadium, o estádio já sediou dois Super Bowl’s. O University of Phoenix Staidum tem um sistema para a retirada do gramado em dias sem jogos, e um teto retrátil. A sua capacidade é de 63.400 espectadores.

MetLife Stadium (Nova York): O segundo maior estádio da NFL, ficando atrás somente do FedEx Field e Cowboys Stadium, é a casa do New York Jets e do New York Giants. Ele substituiu o Gants Stadium, e foi inaugurado em 2010. Sua capacidade é de 82.500 lugares. O MetLife Stadium sediou o Super Bowl XLVIII.

Soldier Field (Chicago): A casa do Chicago Bears, recebeu cinco jogos da Copa do Mundo de 1994. O estádio que também foi a casa do Chicago Fire, da MLS, tem 61.500 lugares. O desenho da fachada, com colunas no estilo Greco-Romano, permaneceu após a última reforma.

Orlando Citrus Bowl (Orlando): Com uma capacidade para 65.438 torcedores, o estádio é a casa do Orlando City, do brasileiro Kaká. O estádio foi inaugurado em 1936, e já foi palco de shows de lendas do rock. Recebeu alguns jogos da Copa do Mundo de 1994.

Lincoln Financial Field (Filadélfia): É a casa do Philadelphia Eagles. Inaugurado em 2003, o estádio tem uma capacidade para 68. 532 espectadores.
%d blogueiros gostam disto: