HTE Sobre Rodas #12 – Quem é quem: Sahara Force India

Texto: João Magalhães

Uma das equipes mais simpáticas da história da Fórmula 1 foi a Jordan. Criada e comandada pelo irlandês Eddie Jordan, o time sempre teve a cara do seu dono: irreverente. Quem gosta da F1 sempre se lembra dos bicos em formato de cobra que a equipe construiu, brincando com a forma do suporte da asa.

Bico da Jordan com desenho de uma cobra

Mas infelizmente o dinheiro também acabou para a Jordan. E sem dinheiro, nenhuma equipe de F1 sobrevive. Vendida para o grupo de investimentos Midland, acabou trocando de dono mais duas vezes, passando pelo grupo Spyker até chegar às mãos do indiano Vijay Mallya. Assim nasceu a Force India!

A primeira equipe indiana da história da Fórmula 1 começou suas operações em 2008. Seu dono, um milionário com múltiplos negócios, injetou uma bela quantidade de dinheiro no time e fez dele uma equipe bastante respeitável. Desde 2009, quando conseguiu uma pole position e um segundo lugar com Giancarlo Fisichella, têm tido resultados decentes, porém medianos. Talvez, 2016 seja a oportunidade para o time indiano alçar vôos um pouco mais altos.

Force India Mercedes

force india

Nome: Sahara Force India

Sede: Silverstone, Reino Unido

Chefe de Equipe: Vijay Mallya

Pilotos: Nico Hulkenberg e Sergio Perez

A Force India começou muito mal o ano passado. Com sérios problemas financeiros e também problemas judiciais envolvendo seu dono, a equipe entrou em 2015 com um carro bastante aquém do que precisava para ser minimamente competitiva. Com os péssimos resultados, Vijay Mallya decidiu (e conseguiu) encontrar recursos para projetar uma nova versão do carro, para tentar de alguma forma salvar o ano. E deu certo.

O VMJ-08B foi um passo gigantesco em relação à sua versão anterior. Aliado ao poderoso motor Mercedes, o chassis conseguiu garantir à equipe um salto de qualidade bastante significativo. O time conseguiu inclusive garantir um pódio no Grande Prêmio da Rússia, pelas mãos do mexicano Sergio Perez. Após um início de temporada desastroso, o quinto lugar no campeonato de construtores acabou sendo um resultado muito satisfatório para a equipe.

Hulkenberg nos testes de Barcelona

Mas 2016 já está aí, e o desempenho da Force India ao longo do ano vai depender muito de um fator essencial à todos: dinheiro. O time indiano apresentou o VMJ-09, carro para a temporada atual, que deixou clara a proposta de que, time que está ganhando (ou andando bem, no caso) não se mexe. O bólido é muito parecido com o anterior, e ainda conta com as unidades de potência fornecidas pela Mercedes.

Caso Vijay Mallya consiga manter o orçamento necessário para desenvolver o carro durante o ano, a Force India pode até mesmo brigar com Red Bull e Williams pelo terceiro lugar no campeonato de Construtores. Basta lembrar que, no fim do ano passado, o time indiano incomodou muito essas duas equipes. Com um carro absurdamente rápido de retas, em pistas rápidas os indianos podem, sim, surpreender. Bom, o carro deste ano é. Hulkenberg chegou a liderar um dia de treinos com um temporal. Basta saber se vão se manter durante o ano

Sergio Perez no pódio em Sochi, Rússia

O sucesso da equipe depende exclusivamente da qualidade do carro, pois eles tem material humano da mais alta qualidade. Sergio Perez é excelente piloto, apesar do seu temperamento. Vindo de ótimas temporadas pela Sauber e um ano apagado (em que não teve culpa nenhuma) na McLaren, o mexicano já mostrou que pode levar o time à bons resultados. Ao seu lado corre o alemão Nico Hulkenberg. Esse ninguém entende como nunca esteve em uma equipe vencedora. O incrível Hulk é piloto de ponta, tem braço para peitar qualquer um no grid atual. Basta lembrar que venceu Le Mans, com a Porsche em 2015.

Enfim, o cenário para a Force India é muito bom para 2016. Desde que a fonte de grana não seque.

Meu palpite: a Force India vai se classificar com frequência no Q3, pontuar em boa parte das corridas e beliscar um ou dois pódios. Acredito que tenham condições de buscar um quarto lugar no mundial de construtores.

%d blogueiros gostam disto: