ACADEMIA ALVIVERDE #13 – Derrota na Libertadores e queda do técnico

Texto: Gustavo Mestriner

Essa última quarta-feira foi uma noite bastante sofrida para o torcedor palmeirense, o time alviverde perdeu seu jogo pela Libertadores em casa, diante sua torcida e complicou bastante sua situação no grupo do torneio e ainda, ao final do jogo, tivemos o anuncio oficial da demissão do técnico Marcelo Oliveira.

O jogo válido pela terceira rodada do grupo 2 na Libertadores, o Palmeiras recebeu em casa a tradicional equipe do Nacional do Uruguai. Os times já haviam se enfrentado na pré-temporada na final da Copa Antel, empate de 0x0 com o Nacional se consagrando campeão do torneio amistoso nos pênaltis. O Palmeiras até começou o jogo melhor, criando boas oportunidades, mas foi o Nacional que saiu na frente do placar. Em jogada cruzada pela direita, Nico Lopez, centroavante da equipe uruguaia, colocou a bola para o fundo das redes. O segundo gol do Nacional veio após uma falta absurda em cima do atacante palmeirense Cristaldo que o juiz não deu, o lance seguiu, o Palmeiras por estar posicionado no ataque, estava totalmente desorganizado atrás, o jogador do Nacional lançou a bola para, e sozinho, o jogador do Nacional finalizou sem chances para Fernando Prass e 2×0 Nacional. Ainda no fim do primeiro tempo, o lateral direito Fucile (ex Santos), tomou o segundo cartão amarelo e foi expulso e o Palmeiras conseguiu diminuir o placar com um gol de Gabriel Jesus.

No segundo tempo, com um jogador a mais, o Palmeiras foi para cima, embora ainda demorasse 15 minutos para mexer no time, mudando a organização tática. Para o segundo tempo, entraram Allione no lugar de Jean, Alecsandro no Cristaldo e Egídio substituindo Thiago Martins, fazendo com que o volante Thiago Santos recuasse para a zaga e Zé Roberto para o meio. O segundo tempo do jogo foi parecido com o segundo tempo de Palmeiras x Rosario Central na rodada passada, ataque contra defesa, pressão total, só que dessa vez, era o Palmeiras que atacava e pressionava e o Nacional se defendia como podia.

Embora a pressão palmeirense, o time jogava muito mal, não conseguia acertar passes, criar jogadas e bons cruzamentos. O jogo virou um “Deus nos acuda”, um “bumba meu boi” e mesmo com o Nacional tendo mais um jogador expulso no final do jogo, o Palmeiras não conseguiu achar o gol de empate, parou no máximo na trave no último lance do jogo em um chute do Lucas. Fim de jogo Palmeiras 1×2 Nacional – URU

Com esse péssimo resultado dentro de casa, a situação do time na Libertadores se complica um pouco. O Palmeiras está em segundo lugar com 4 pontos, um ponto atrás do Nacional que com a vitória chegou a cinco pontos e lidera o grupo e os mesmos 4 pontos do Rosario Central. Os próximos dois jogos do Palmeiras serão bem complicados, ambos fora de casa, primeiro o Palmeiras visita o Nacional no Uruguai e depois encara o Rosario na da Argentina.

Ao terminar a partida, ainda no Allianz, o técnico Marcelo Oliveira entrou em acordo com a diretoria e foi demitido. Marcelo Oliveira que já estava sendo bastante pressionado fazia tempo pelos maus resultados e falta de padrão tático de jogo e não resistiu a essa última derrota, talvez a pior delas, em casa na Libertadores.

O Palmeiras ainda não anunciou um novo técnico, o principal nome que ventila nos bastidores é o de Cuca, preferido pela diretoria palmeirense. Para o clássico choque-rei contra o São Paulo no domingo, Alberto Valentim, treinador interino, vai ficar responsável pelo comando do time.

%d blogueiros gostam disto: