Bakcourt NBA – Fim de temporada para Anthony Davis

Confirmado o fim da temporada Anthony Davis, do New Orleans Pelicans, por lesão. O camisa 23 já vinha jogando no sacrifício por conta de dores no joelho e será submetido a cirurgia nos próximos dias. Com isso, Davis também está fora dos Jogos Olímpicos do Rio em Agosto.

Foi a melhor decisão a ser tomada para a carreira de Anthony Davis, que vem praticamente jogando sozinho pelos Pelicans, que seguem crendo que apenas um craque pode trazer dias de glória para a franquia. No Oeste, a equipe de New Orleans está a frente somente de franquias em reconstrução, como Los Angeles Lakers, Minessota Timberwolves e Phoenix Suns. Mesmo com partidas extraordinárias de Davis, o desempenho da equipe como um todo é muito fraco, com apenas 26 vitórias e 44 derrotas até o dia de hoje (23/03).

Nos seus anos de NBA, Davis já mostrou potencial para ser um dos grandes da liga. Ala-pivô de muita mobilidade melhorou muito durante a temporada nos arremessos de três pontos, sendo uma arma ofensiva completa. Nessa temporada, apresenta boas médias de 24 pontos e 10 rebotes por jogo e 32% de aproveitamento nos arremessos de 3 pontos. Mas precisa ter mais qualidade a sua volta. Sem isso, vai ser difícil o Pelicans incomodar alguém na NBA.

Cleveland Cavaliers

A melhor equipe do Leste vive em constante turbulência. Mesmo com a vaga para os playoffs definida, a irregularidade da equipe durante os jogos tem tirado o sono da torcida do Cavs. A vantagem na campanha que tinha sobre o segundo colocado do Leste, o Toronto Raptors, não existe mais e a derrota para o Miami Heat escancara os problemas defensivos da equipe. E, se LeBron James chega a marca de 41 triple-doubles na carreira, gera polemica fora das quadras por, acreditem, ter deixado de seguir o perfil da equipe no Twitter.

MVP

Apesar do desempenho abaixo de sua média contra o San Antonio Spurs no sábado, Stephen Curry segue sendo o principal favorito para o prêmio de MVP da temporada regular. Porém, um outro armador, na humilde opinião desse que vos escreve, merece grande consideração para o prêmio. Trata-se do camisa 0 de Oklahoma, Russel Westbrook, que já teve 14 triples-doubles na temporada, maior marca desde Magic Jonhson na temporada 1988/1989. Como o prêmio é para o jogador mais importante, a pergunta que faço é: Quem é mais importante para a equipe na temporada: Curry para o Warriors ou Westbrook para o Thunder?

Tim Duncan

Muito se fala durante a temporada sobre a despedida de Kobe Bryant das quadras e não deixa de ser merecida toda essa turnê de despedida e homenagens que têm recebido. Mas outro grande jogador também deve estar vivendo sua última temporada: o ala-pivô Tim Duncan do San Antonio Spurs. No alto de seus 39 anos, o lado ofensivo da equipe comandada por Gregg Popovich não tem mais o veterano como principal foco e até seus minutos em quadra estão sendo cuidadosamente calculados para que ele chegue inteiro ao ponto que mais interessa na temporada, que são os playoffs. Com 5 títulos na carreira, pode ser que tenhamos mais uma chance de vermos um grande jogador se despedir com uma grande conquista.

Marcelo Tadeu Parpinelli

Um cara que gosta de opinar sobre tudo, principalmente daquilo que não conhece e não entende. Aspirante a filósofo nas horas vagas.

%d blogueiros gostam disto: