Elway e a terra sem QB

Texto: João Raphael Nunes

O ano de 2015 da NFL foi simplesmente incrível para todos, em especial aos torcedores do Denver Broncos, campeão do Super Bowl 50. Um time acostumado a ter um ataque fulminante e uma defesa inconsistente simplesmente viu seus papéis serem invertidos: Foi a defesa arrasadora quem carregou o ataque, que durante a temporada se mostrou inoperante mesmo sob o comando do veteraníssimo Peyton Manning. Eleito 5x o jogador mais valioso da liga, Peyton perdeu metade da temporada por lesão, dando lugar a Brock Osweiler, que a este ponto estaria sendo preparado para ser o seu sucessor em Denver.

A temporada acabou e com ela Peyton Manning se despediu da NFL após 18 bons anos. Acontece que as coisas não saíram como planejado para John Elway, general manager da franquia. Irritado por ter sido mandado para o banco após Manning voltar de lesão, Osweiler resolveu testar a free agency e acabou acertando um contrato bastante favorável com o Houston Texans, um time que só precisava de um QB sólido para ir longe na liga.

Sem Manning e sem Osweiler, John Elway terá que se reinventar na offseason. O primeiro passo do lendário Quarterback foi trazer Mark Sanchez, ex-Jets, que estava sendo banco de Sam Bradford no Eagles.

A grande questão é: Mark Sanchez será o Quarterback titular, sucessor de Peyton Manning ou será simplesmente um “tapa-buraco” em Denver? Pelas declarações de John Elway, o general manager do time do Colorado deu a entender que a busca pelo Signal Caller não para por aí. Vamos às opções da equipe:

DRAFT: Com a 31ª escolha do Draft, o Broncos não conseguirá pegar os dois melhores prospectos (Jared Goff e Carson Wentz), porém, a expectativa é que a equipe consiga selecionar Paxton Lynch, da universidade de Memphis. O jovem QB não seria titular logo em seu primeiro jogo, começaria no banco para aprender e se adaptar à NFL.

TRADE: A franquia do Colorado está tentando conseguir um acerto pelo QB Colin Kaepernick desde o início da free agency. A grande questão é que o San Francisco 49ers pede no mínimo uma escolha de 3º round pelo camisa #7, enquanto Denver acha que ele não vale tanto assim.

Foto: ESPN
SANCHEZ: Trocado recentemente com o Philadelphia Eagles, Mark Sanchez chegou a Denver nesta free agency. Apesar de não chegar aos pés de Peyton Manning, Mark mostrou desenvoltura em seu tempo no New York Jets, chegando inclusive a duas finais de conferência. Não é o QB dos sonhos, mas pode vir a ser um ótimo quebra-galho.

SIEMIAN: Esta opção é a mais improvável. Selecionado na 7ª rodada do Draft de 2015, Trevor Siemian mostrou que pode vir a se tornar um bom QB backup pro futuro, porém, esbarra no fato de ainda precisar melhor bastante o seu jogo, claramente não pode ser um Quarterback starter neste momento.
O futuro Quarterback do atual campeão da NFL, o sucessor do lendário Peyton Manning, a bola da vez em Denver. Quem será o QB titular? Uma incógnita e tanto para os fãs da NFL… Só o tempo – e John Elway – dirão quem será o homem atrás do center quando a temporada de 2016 começar.

%d blogueiros gostam disto: