Golden State Warriors – O mágico número 73

Quando se iniciou a temporada regular da NBA, o Golden State Warriors já era visto por muitos como o grande favorito ao título da NBA. Atual campeã, a equipe de Oakland manteve a base e contou com um Stephen Curry em grandes noites para um início avassalador. Foram 24 vitórias seguidas para abrir a temporada até a primeira derrota, que só ocorreu praticamente dois meses após o início da temporada 15/16.

Após essa incrível sequência de vitórias, era natural imaginar até onde o Warriors iria na temporada regular: será que a equipe comandada por Steve Kerr chegaria ao incrível recorde de 72 vitórias numa temporada, que apenas o Chigaco Bulls de Michael Jordan, Scottie Pippen e Dennis Rodman conseguiu?

Curry recorde

O Warriors seguiu amassando adversários. Enfrentou o San Antonio Spurs e venceu por 30 pontos de vantagem. Foi até Cleveland jogar contra o Cavs e impôs a maior derrota da carreira de LeBron James, ao vencerem por 132×98. Contra o Thunder, em Oklahoma, Curry fez DOZE bolas de 3 e liderou o Warriors a outra impressionante vitória. As demonstrações de força da equipe vinham em sequência e era cada vez mais próximo o recorde.

Mas, em uma temporada longa como a da NBA (que tem 82 jogos para cada equipe), é natural que ocorra uma oscilação. Coisa que não ocorreu com o Golden State Warriors. O time passou toda a temporada sem perder jogos seguidos, algo nunca alcançado antes. A cereja no bolo da temporada quase perfeita  do Warriors veio no último domingo, após vencer o Spurs em San Antonio e quebrar a chance do adversário chegar a marca de 41 vitórias em 41 jogos em casa.

Com o recorde sacramentado, é interessante avaliar alguns números da equipe do Warriors na temporada: Stephen Curry terminou a temporada com o famoso 50-40-90 (50% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 40% nas bolas de 3 pontos e 90% na linha de lance livre). Além de tudo, foi o primeiro jogador a chegar a 400 bolas de 3 convertidas na temporada. Antes dele, ninguém tinha passado das 270 (!!!). Outro ponto muito importante da vitoriosa temporada do Warriors é Draymond Green. O ala fez 80 jogos e teve médias de 14 pontos, 9.5 rebotes e 7.4 assistências.

Pra fechar, é inevitável a comparação com o Bulls de 95/96. Vamos a alguns números:

. Golden State Warriors 15/16: 114.9 pontos por jogo, 104.1 pontos sofridos por jogo, 48.7% FG, 13.1 bolas de 3 convertidas por jogo, 46.2 rebotes por jogo, 28.9 assistências por jogo.

. Chicago Bulls 95/96: 105.2 pontos por jogo, 92.9 pontos sofridos por jogo, 47.8% FG, 6.6 bolas de 3 convertidas por jogo, 44.6 rebotes por jogo, 24.8 assistências por jogo.

 

%d blogueiros gostam disto: