Djoko ainda não convenceu, mas continua vencendo

Essa história já conhecemos, vez ou outra ela se repete, vemos um Novak Djokovic jogando mal no início do torneio, encontra enorme dificuldades para vencer a partida, ou simplesmente não convence, mas no final acaba avançando, avançado, quando menos percebemos, ele já está final.

Estamos vendo isso novamente, o sérvio número 1 do mundo, que busca completar o tão sonhado Career Slam – que é a conquista dos 4 torneios mais importantes do tênis mundial.

Ele está disposto a não deixar escapar esse ano, pois acaba sofrendo uma grande pressão, para ganhar o tão sonhado troféu em Roland Garros.

Na partida de hoje ele venceu por 3 sets a 0 – parciais de 7/5, 6/3 e 6/4, do outro lado da quadra tínhamos o belga Steve Darcis, que hoje é o apenas 161 do ranking mundial.

O que mais chama a atenção nessa partida foram os erros não forçados do sérvio, um total de 42 no jogo, talvez isso explique um pouco sua irritação durante a partida.

Na próxima rodada ele deve repetir o que estamos vendo nos outros torneios, uma evolução em busca do título. Ele enfrenta o britânico Aljaz Bedene, que eliminou o espanhol Pablo Carreno Busta, por 3 sets a 2 – 7/5, 6/3, 4/6, 5/7 e 6/2.

Esse vai ser o segundo encontro entre os dois, no primeiro Djoko levou a melhor e venceu por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/2 e 6/4, valendo pela primeira rodada do Australian Open de 2015.

novak 3

%d blogueiros gostam disto: