HOSPÍCIO #63 – Bem-vindo, Cristóvão Borges

Cristóvão Borges é o novo técnico do Corinthians. Após 9 anos praticamente só com dois técnicos (com uma rápida passagem de Adilson Batista “quebrando” a sequência de Mano e Tite), o Corinthians surpreendeu a todos e contratou Cristóvão Borges.

 

hospício

 

A missão é ingrata: substituir o maior técnico da história do Corinthians. A pressão, que já é grande no Timão, triplica, com a imprensa, torcida e diretoria cobrando de Cristóvão o mesmo que Tite fazia. O novo técnico é, podemos dizer, inexperiente. Iniciou seu trabalho como técnico em 2011, no Vasco, ano em que foi escolhido como melhor técnico do Brasileirão.

Como jogador, Cristóvão jogava de volante e passou pelo Corinthians de 1986 a 1987. Isso quer dizer que o técnico conhece um pouco como as coisas são aqui, como é a pressão de torcida, apesar da profissão jogador ser diferente da de técnico.

Resta à Fiel apoiar. Cobrar a diretoria por não ter gostado da contratação, por Cristóvão ser um técnico inexperiente, é normal. Porém, o profissional, de forma individual, não tem culpa de ter sido escolhido. Portanto, é melhor darmos um tempo e esperarmos por seu trabalho. Historicamente, a torcida corinthiana tem esse ideal de deixar que aqui os profissionais cresçam.

Bem-vindo, Cristóvão. E boa sorte

Thiago Cunha Martins

Paulistano, alvinegro, co-fundador e Diretor-geral do HTE Sports. Jornalismo por paixão, Psicologia por vocação. Adorador do futebol e tudo o que o rodeia. Fã curioso da NFL, UFC e eventual seguidor de outros esportes

%d blogueiros gostam disto: