O Equilíbrio no Campeonato Brasileiro

“É o campeonato mais disputado do mundo”; quantas vezes você já não ouviu isso quando se fala do Campeonato Brasileiro? Todos os jornalistas usam esse argumento, todo ano se inicia o campeonato com uns possíveis 10 candidatos ao título, sempre tem uma surpresa, um time que faz uma gracinha no começo do campeonato, mas logo cai, um time que começa mal mas depois sobe e acaba disputando o título.

O motivo do equilíbrio se dá pela grandeza dos clubes envolvidos, pelo fator casa que faz muita diferença em nosso campeonato, por conta das janelas europeias, árabes – e ultimamente as chinesas – que levam embora os principais jogadores dos nossos clubes.

Nas últimas rodadas o Vitória (recém-promovido da Série B) venceu dois dos considerados favoritos ao título (Internacional e Corinthians), o Palmeiras perdeu para a Ponte Preta, o Coritiba levou os corintianos ao limite, o Santa Cruz de Milton Mendes embalou e deu uma abocanhada por algum tempo na liderança, a Chapecoense está dando trabalho e está na luta pelo G-4.

Quem diria que Grafite seria artilheiro do Brasileirão 2016, atuando pelo Santa Cruz.
Quem diria que Grafite seria artilheiro do Brasileirão 2016, atuando pelo Santa Cruz.

Todo início de ano, separamos em 4 potes os clubes (candidatos ao título, brigam pela Libertadores, meio de tabela e lutam contra o rebaixamento) e no final do ano tudo se bagunça, nada faz sentido e o que era lógico há 6 meses atrás já não faz sentido algum.

Na humilde opinião do que vos escreve, esse nivelamento se dá por conta dos grandes jogadores que surgem durante um campeonato não ficam para o próximo, além da CBF que não colabora conosco e não para a disputa durante a data FIFA, o que faz com que os clubes percam seus principais jogadores em jogos importantes.

Corinthians e Grêmio dividem a liderança com vantagem ao time paulista por conta de não ter nenhum jogador expulso.
Corinthians e Grêmio dividem a liderança com vantagem ao time paulista por conta de não ter nenhum jogador expulso.

A janela irá abrir e times que estão bem podem perder seus jogadores (Gabriel Jesus, Lucas Lima, Luan, Fagner, Guerrero, Calleri, Maicon e outros) e os times que estão mal terá a chance de buscar reforços para não agonizar na luta contra o descenso. Estamos em junho e apesar de Corinthians, Grêmio, Internacional e Palmeiras estarem dando sinal de que irão brigar pelo título seria uma insanidade eu cravar que um desses quatro será o Campeão Brasileiro.

Renan Thierre

Antigamente comia areia e catarro, futuramente um professor de História, atualmente editor no HTE Sports e finge que entende de futebol e outros esportes.

%d blogueiros gostam disto: