Backcourt NBA – O novo Chicago Bulls

Se temos um time na NBA que mudou bastante nessa off-season, certamente falaremos sobre o Chicago Bulls. Depois de ano decepcionante, onde iniciou brigando na parte de cima da conferencia do Leste junto com os campeões Cleveland Cavaliers, e terminou fora dos playoffs, as movimentações tem sido constantes para os touros.

Antes do draft, Derrick Rose, MPV da temporada regular com a camisa 1 dos Bulls em 2010, foi trocado com o New York Knicks junto com Holliday por Robin Lopez, Jose Calderon e Jerian Grant. Pau Gasol anunciava que não renovaria seu contrato. Joakhim Noah seguia também novo caminho e se juntava a Rose em Nova York. Em contrapartida, a diretoria anunciava a contratação do veterano Rajon Rondo, armador de muita qualidade técnica, mas com alguns problemas “de vestiário”. Mas ontem que a torcida se empolgou. Por 2 anos e 47 milhões de dólares o Bulls contratou Dwyane Wade, detentor de praticamente todas as principais marcas no Miami Heat, onde conquistou por três vezes o título da NBA.

Com isso, o desejo de Fred Hoiberg fica completo. Desde o fim da temporada regular o treinador mostrou interesse em montar uma equipe de mais velocidade na transição. A formação titular deverá ser Rondo, Wade, Butler, Mirotic e Lopez. Todos jogadores com bom arremesso de média distância, espaçando mais a quadra. Rondo, armador que tem como maior características a distribuição de jogo e assistência, certamente terá boas armas ofensivas. Wade e Butlter, caso se mantenham saudáveis, deverão dividir a responsabilidade de finalizar as jogadas ofensivas.

No banco, jovens valores como Bobby Portis, Cristiano Felício e Denzel Valentine (primeira escolha da equipe no último draft) podem contribuir bastante também. Ainda não é um time que podemos olhar e dizer que são favoritos no Leste para chegar às finais. O Cleveland Cavaliers ainda tem esse rótulo. Mas é uma equipe certamente muito talentosa e que vai dar muito trabalho durante a temporada e, por que não, nos playoffs. Estou curioso para ver o que Wade, Butler e Rondo podem aprontar juntos.

Marcelo Tadeu Parpinelli

Um cara que gosta de opinar sobre tudo, principalmente daquilo que não conhece e não entende. Aspirante a filósofo nas horas vagas.

%d blogueiros gostam disto: