Leandro Damião e Alexandre Pato: é hora de voltar a brilhar?

O que Leandro Damião e Alexandre Pato tem em comum? Se você for parar para pensar, muitas coisas. Os dois jogadores viveram a melhor fase de suas carreiras no Internacional, eram vistos com boas expectativas na Seleção Brasileira, clubes paulistas pagaram fortunas para contar com seu futebol, os dois tem 26 anos, ambos decepcionaram e agora a dupla está de volta: Damião foi contratado pelo Flamengo e Pato, após alguns meses no Chelsea, voltou ao Corinthians.

LEANDRO DAMIÃO

leandro-damiao-flamengo

Desde que deixou o Internacional para jogar no Santos, Leandro Damião não conseguiu atuar com regularidade nos times em que atuou – Santos, Cruzeiro e Real Bétis. Se somarmos os gols que o jogador marcou nesses três times chegamos a 29. No Internacional, Damião fez 89 gols em 181 partidas. Por que uma queda tão brusca nas atuações do centroavante?

O fato é que o talento que Damião demonstrou no Colorado não foi visto nos outros clubes em que jogou. Até mesmo na Seleção Brasileira, onde tinha expectativas para disputar a Copa das Confederações (foi cortado por causa de uma lesão), Damião não era o mesmo jogador. Sua ida para o Bétis, talvez, tenha sido o ponto mais baixo da carreira. Jogou em três jogos apenas, sequer marcou.

No dia 14 de julho de 2016, Leandro Damião foi anunciado pelo Flamengo. O jogador era esperado no Vasco, mas a negociação não deu certo e o Flamengo fechou sua contratação por empréstimo junto ao Santos, por uma temporada. No Mengão, Damião terá a concorrência de Felipe Vizeu e Paolo Guerrero. Provavelmente, Damião terá maiores chances quando o peruano for convocado para a seleção de seu país ou quando for suspenso. Talvez, essa menor pressão por não chegar para resolver seja o que ele precisa. Ir com calma, buscar seu espaço e mostrar seu futebol.

ALEXANDRE PATO

alexandre-pato-nega-cavadinha-e-pede-desculpas-a-torcida-corintiana-por-penalti-perdido

Alexandre Pato brilhou cedo. Ainda jovem, deixou o Internacional e foi para o futebol europeu e teve até uma boa passagem pelo Milan. Voltou ao Brasil em 2013 contratado por valores exorbitantes pelo Corinthians. A pressão colocada sobre ele, justa pelo valor que custou aos cofres do Timão, fez com que Pato não desempenhasse o futebol esperado. O estopim foi o pênalti perdido na Copa do Brasil, em duelo contra o Grêmio.

Nos anos seguintes, Alexandre Pato foi jogador do São Paulo, tendo parte dos salários pagos pelo Corinthians. No tricolor, foi bem, mas não teve grande regularidade. No início de 2016, foi para o Chelsea e jogou apenas dois jogos, marcando um gol de pênalti.

Sem opções, voltou para o Corinthians, clube que detém seus direitos até o final do ano. Com incertezas no seu setor ofensivo, o clube paulista resolveu aproveitar o futebol de Alexandre Pato, que agora terá que encarar a revolta da torcida do seu próprio time, que não quer vê-lo em campo, como você pode ler no Cantinho do Torcedor.

O fato é que Pato tem uma responsabilidade muito maior que Leandro Damião, e isso faz sua tarefa ser mais complicada. Mesmo que ele renda um bom futebol, a torcida do Corinthians dificilmente perdoará tudo que aconteceu com ele no clube e o fato do seu contrato terminar no final do ano e existir a possibilidade dele sair de graça é mais um fator alarmante.

DÁ PARA ESPERAR ALGO POSITIVO DA DUPLA?

Sim. O futebol brasileiro abre espaço para que jogadores como Leandro Damião e Alexandre Pato reencontrem suas boas atuações. Depende, principalmente, da vontade deles próprios. Se jogarem o que sabem, serão importantes para Flamengo e Corinthians, respectivamente. Caso contrário, comprovarão o que a maioria pensa no momento: as decepções são na verdade aquilo que ambos têm para mostrar atualmente.

Heider Mota

Baiano, 21 anos, estudante de jornalismo e amante dos esportes.

Twitter: @heiderzito

%d blogueiros gostam disto: