Rio 2016 – A conquista do ouro no futebol masculino em 11 fotos

A seleção brasileira de futebol masculino fez história na Rio 2016 ao conquistar a primeira medalha de ouro no Brasil na modalidade. O Brasil venceu a Alemanha, na disputa de pênaltis, e finalmente, subiu ao lugar mais alto do pódio em uma Olimpíada.

E como dizem que uma imagem vale mais que mil palavras, vamos contar a história desse importante título através de 11 fotos e suas legendas!

O DESFALQUE DE FERNANDO PRASS

Convocado para ser o líder da seleção olímpica por causa de sua experiência, o goleiro Fernando Prass sofreu uma contusão no cotovelo direito e foi cortado da disputa dos jogos. Na imagem é possível perceber o quão inchado estava o cotovelo do goleiro. (Foto: Alex Silva/Estadão Conteúdo)

Convocado para ser o líder da seleção olímpica por causa de sua experiência, o goleiro Fernando Prass sofreu uma contusão no cotovelo direito e foi cortado da disputa dos jogos. Na imagem é possível perceber o quão inchado estava o cotovelo do goleiro. (Foto: Alex Silva/Estadão Conteúdo)

A PRIMEIRA DECEPÇÃO

Brasil 0x0 África do Sul

O Brasil estreou nas Olimpíadas jogando no Mané Garrincha, em Brasília, contra a África do Sul e decepcionou. Apenas um empate em 0x0, levando alguns sustos e jogando muito mal. Era o início de uma séries de críticas pelas quais Neymar, o elenco e a comissão técnica passaram. (Foto: AP)

A SEGUNDA DECEPÇÃO

Brasil 0x0 Iraque

Novamente em Brasília, o Brasil recebeu a seleção do Iraque e era esperado um bom resultado após o frustrante empate na estreia. No entanto, o fraco futebol se repetiu e mais uma vez nada de gols na partida. (Foto: Lucas Figueiredo/MoWa Press)

SAI NEYMAR, ENTRA MARTA

Camisa Neymar Marta

Com a seleção masculina em baixa e a feminina em alta, um garoto surpreendeu ao riscar o nome de Neymar da sua camisa e escrever o nome de Marta. (Foto: Reprodução / Instagram)

A CONVERSA DE TITE

Rogério Micale e Tite

Após dois resultados frustrantes, o Brasil precisava vencer a Dinamarca, até então líder do grupo, para avançar. Em Salvador, o treinador Tite, da seleção principal, teve uma longa conversa com Rogério Micale e com os jogadores. (Foto: Divulgação / CBF)

GOLEADA E O ABRAÇO COM A TORCIDA

Brasil 4x0 Dinamarca

Com o apoio da torcida baiana, o Brasil jogou muito bem e goleou a Dinamarca por 4×0. O mais importante, talvez, tinha sido a reconciliação com o torcedor brasileiro, representado pelo carinho dos torcedores com Gabigol na imagem. (Foto: Fernando Donasci/Reuters)

NO CAMINHO CERTO

Brasil 2x0 Colômbia

Na Arena Corinthians, o Brasil encarou um difícil adversário, a Colômbia. Tirando as faltas violentas da primeira etapa, o jogo foi bom e a seleção conseguiu vencer sem passar muitos sustos. (Foto: Divulgação / CBF)

PARA COLOCAR MORAL

Brasil 6x0 Honduras

Massacre! Já no Maracanã, o Brasil enfrentou Honduras, que havia eliminado Argentina e Coreia do Sul, e não tomou conhecimento do adversário. 6×0 no placar e uma empolgante atuação para reencontrar a Alemanha na final. (Foto: Divulgação / CBF)

NEYMAR LIKE A BOLT

Brasil 1x1 Alemanha

Usain Bolt estava no Maracanã assistindo o jogo no camarote dos convidados de Neymar e quando o camisa 10 marcou gol, comemorou com o gesto do atleta jamaicano. Um golaço de falta, por sinal. Foi o primeiro passo na grande final para a conquista do ouro. (Foto: Ivan Pacheco / Veja.com)

SAI QUE SUA, WEVERTON!

Weverton

Convocado para substituir Fernando Prass, Weverton até então não tinha passado muita confiança, apesar de não ter sofrido gols. No entanto, na disputa de pênaltis, o goleirão do Atlético/PR defendeu a cobrança de Peterson e abriu caminho para a tão sonhada conquista. (Foto: Getty Images)

O BRASIL É OURO!

Brasil de ouro

Coube a Neymar, tão criticado a ponto de ter seu nome na camisa riscado por um torcedor mirim, fazer a cobrança decisiva. O camisa 10 não sentiu a pressão, colocou a bola nas redes e fez o Brasil conquistar o primeiro ouro olímpico no futebol. Após a cobrança, Neymar comemorou com seus companheiros e chorou muito no gramado do Maracanã. (Foto: Divulgação)

BÔNUS: O OURO NO PÓDIO

Brasil ouro Rio 2016 futebol

Pode comemorar, Brasil. O ouro do futebol olímpico é nosso! (Foto: Marcelo Sayão / EFE)

Heider Mota

Baiano, 21 anos, estudante de jornalismo e amante dos esportes. Twitter: @heiderzito

%d blogueiros gostam disto: