Análise Champions League 2016/17 – Grupo E

A UEFA Champions League começa sua fase de grupos na semana que vem e a expectativa, como sempre, é muito boa. A “nata” do futebol da Europa se encontra na competição e grandes jogos são esperados nessa fase onde apenas os melhores e mais fortes passam para as oitavas de final e mantém o sonho de ganhar a taça mais importante do Velho Continente. Muitos reclamam da repetição dos mesmos times entre os finalistas, mas ainda assim o mundo para tudo que está fazendo para assistir ao desfile de craques, jogadas e dribles dos maiores jogadores do mundo. Aqui no HTE a cobertura vai ser completa e a gente só não vai mostrar os jogos porque não temos um canal (ainda! rs), mas para ler tudo sobre a competição, só entrar no site periodicamente que estaremos escrevendo sobre.

O grupo E da temporada 2016/17 conta com CSKA Moscou, Monaco, Bayer Leverkusen e Tottenham. Não tem nenhumas das potências europeias e nem promete ser um “grupo da morte”, mas uma coisa é certa sobre esse grupo: qualquer um dos participantes pode sair classificado devido ao equilíbrio entre as equipes. A equipe com o elenco mais qualificado, na opinião do colunista, o Tottenham, é a que tem menos tradição na competição. Logo, as outras três participantes podem se sobrepor e conquistar essa vaga. Equilíbrio é a palavra-chave do grupo E. Vamos falar um pouco das equipes.

CSKA

CSKA

O CSKA Moscou vem jogar a UCL depois de ser campeão russo da temporada 2015/16. O time não conta com grandes estrelas, mas conta com uma base que vem jogando junta há algumas temporadas, além de um time bem treinado e organizado. O goleiro Akinfeev traz o toque de experiência e o Brasil está representado pelo lateral Mario Fernandes. Na frente, o atacante Traore é o maior perigo e esperança de gols do time na competição. Participante recorrente na competição, na última Champions, o time terminou em último lugar do seu grupo e não quer repetir esse péssimo resultado.

Time-base: Akinfeev; Mário Fernandes, Berezutskiy, Ignashevich, Schennikov; Wernbloon, Eremenko, Dzagoev, Tosic; Golovin, Traoré.

BAYER LEVERKUSEN

leverkusen

Bayer Leverkusen é outro time com alguma tradição na Champions League. Porém, desde o ano de 2001/02, quando perdeu a final para o poderoso Real Madrid dos “Galáticos” (sim, aquela final do golaço do Zidane) não consegue repetir boas campanhas. Na última temporada terminou em terceiro em grupo que tinha Roma, Barcelona e BATE Borisov. Tem como destaques em um elenco mediano: Lars Bender, Charles Aranguiz, e os craques Çalhanoglu e “Chicharito” Hernandez. Se eu fosse apostar, colocaria o time alemão como um dos classificados para as oitavas.

Time-base: Leno; Hilbert, Toprak, Dragovic e Wendell; Lars Bender, Bellarabi e Brant; Çalhanoglu, Mehmedi e Chicharito Hernández.

MONACO

Monaco

Monaco se classificou pra UCL após ficar em terceiro lugar no campeonato PSG, ops no campeonato francês. Tem uma história similar ao Leverkusen na UCL e foi à final na temporada de 2003/04 contra o Porto (sim, aquele do Deco, Carlos Alberto e Mourinho), mas também foi derrotado e desde então, nunca mais fez uma campanha tão boa. Passou por uma forte crise nos anos posteriores, mas se recuperou e foi comprado por um milionário, fazendo um elenco milionário que ficou em segundo no campeonato francês 2012/13, mas não se destacou muito nas competições europeias. Tem como destaques do elenco João Moutinho e o “falecido” Radamel Falcão. Conta também com os brasileiros Boschilia e Jemerson.

Time-base: Subasic; Mendy, Glik, Jemerson e Sidibé; Fabinho, Bakayoko, João Moutinho e Lemar; Carrillo e Germain (Falcao).

TOTTENHAM

Tottenham

Por último, mas não menos importante, o Tottenham Hotspurs. O time inglês que se classificou para UCL após disputar título com o Leicester na temporada passada e mesmo assim, terminou em terceiro lugar atrás do seu maior rival Arsenal, vem com mais força que os outros rivais, bem treinado e organizado por Mauricio Pochettino. Para compensar a falta de tradição (melhor resultado foi chegar às quartas de final na temporada 2010/11), o time de Londres manteve a base da boa campanha do ano passado e tem como destaques Lloris, Cristian Eriksen, Lamela e Harry Kane.

Time-base: Lloris; Walter, Vertonghen, Alderweireld e Rose; Dier, Sissoko, Lamela, Dele Alli e Eriksen; Harry Kane.

O grupo promete ser bastante equilibrado, mas eu apostaria em Tottenham e Bayer Leverkusen como classificados. Não sou muito bom de apostas, mas acho que dessa vez acerto. Porém, o grupo E tem tudo para produzir jogos equilibrados e partidas bem bacanas para os amantes do futebol.

Veja também os outros grupos: Grupo A | Grupo B | Grupo C | Grupo D | Grupo F | Grupo G | Grupo H

Lucas Farias

Carioca, 25 anos, nem um pouco jornalista, mas apaixonado por esportes, principalmente futebol. Flamengo, Tottenham, Miami Heat e New Orleans Saints.

%d blogueiros gostam disto: