CANTO DO MANTO #3 – Sobre “a final”: eu preferi esse empate

O título é esse mesmo, Nação rubro-negra. Parece idiotice, mas com a explicação que pretendo dar no texto talvez pareça um pouco menos. Ou talvez você não concorde e eu seja idiota mesmo. Mas eu fiquei bastante satisfeito com o empate entre 1 a 1 no Palmeiras e Flamengo. E não só pelas circunstâncias, desde a demora em tirar o amarelado Marcio Araújo de campo, mesmo após duas faltas violentas, ou a expulsão desse mesmo energúmeno que em uma partida conseguiu trazer de volta todo o ódio da torcida após muitas boas atuações. Eu preferia o empate mesmo. Coisa de flamenguista supersticioso, talvez.

Eu quero fazer um exercício de imaginação com vocês: imaginem que ontem o Flamengo saiu com os três pontos: festa no aeroporto ainda maior na volta, mídias do eixo e do país inteiro dando o Flamengo como campeão com 10 rodadas de antecedência, matéria na ESPN comparando o Flamengo com o Barcelona ou com o Manchester City do Guardiola, torcedores e comentaristas querendo Diego titular da seleção e Neymar no banco pra ele, empresas de perfumes vendendo a fragrância “Cheirinho de Hepta” com direito a comercial igual ao do 212… E sim, vocês sabem que a força do nosso time causa isso tudo. E o que vem depois disso é o famigerado oba-oba. E logo depois disso uma goleada histórica para o Figueirense no fim de semana.

“Mas Lucas, o time é experiente, é muito bom, acho que aguenta essa pressão” disse meu amigo Filipe, outro flamenguista fanático. Respondi na hora que o problema não é do time, mas sim a torcida. Eu tenho 24 anos de idade e sendo bem sincero, tirando alguns campeonatos cariocas, eu nunca vi o Flamengo ser campeão após ser dado como favorito no começo de algum torneio. Tentem se lembrar e se lembrarem comentem aqui embaixo, por favor. Em 2009 passou longe de ser favorito, tinha um time mediano com dois craques (que saudade de Adriano e de Petkovic, meu Deus!) e que se superou o tempo inteiro para ser campeão. Em 2013, na Copa do Brasil, merecemos muito o título depois de eliminar o forte Cruzeiro e destruir o nosso rival Botafogo, mas demos sorte demais nas fases seguintes ao pegar Goiás e Atlético Paranaense, que estavam ali por merecimento e eliminando grandes do futebol, mas nem se comparam a força do Mais Querido. Não lembro de nenhum favoritismo quando começaram as competições. Nós flamenguistas gostamos de calar a boca de todos, como estamos fazendo mais uma vez esse ano. Temos que ser líderes na última rodada, é isso que importa!

O jogo de ontem foi mais uma demonstração da força do time. Perdeu a anta do Márcio Araújo ainda no primeiro tempo, se recuperou, teve a demora em tirar do jogo o MA e depois uma alteração péssima do Zé Ricardo (Cuellar mais perdido que cego em tiroteio) e mesmo com essa sequência inaceitável de erros conseguiu sair na frente com um bonito gol de Alan Patrick. Depois, o Palmeiras foi para cima, botou pressão e conseguiu o empate com outro bonito gol de Gabriel Jesus. Quando o juiz apitou o fim do jogo, as duas torcidas estavam insatisfeitas, a do Palmeiras um pouco mais, mas eu estava plenamente satisfeito. Ainda temos muito para melhorar, Zé Ricardo tem que parar de fazer besteira, mas estamos no caminho certo. A liderança chegará na hora certa e cairá no colo do Flamengo porque no momento, somos sim, o melhor time do campeonato.

Na internet, a torcida do Palmeiras se gabava de ainda serem líderes, os rivais cariocas já desqualificavam o “cheirinho” e eu vi algumas zoações pelo empate no final do jogo surgirem na linha do tempo. Eu sinceramente entendo os nossos rivais: quem não tem time para torcer se alegra com a derrota do gigante. Pois bem, eu prefiro assim. O empate foi bom porque mostramos nossa força e estamos bem na cola do Palmeiras. A pressão continua lá em São Paulo, nós estamos correndo atrás e tomem muito cuidado porque a gente tá chegando. Cada vez mais eu acredito nesse time e temos tudo pra ser campeões. Saudações rubro-negras!

Lucas Farias

Carioca, 25 anos, nem um pouco jornalista, mas apaixonado por esportes, principalmente futebol. Flamengo, Tottenham, Miami Heat e New Orleans Saints.

%d blogueiros gostam disto: