MOSTRA TEU VALOR #20 – O caminho para não cair

Faltam apenas cinco rodadas para o término do Brasileirão e mais uma vez a torcida rubro-negra baiana precisa não se preocupar apenas com o time em campo. Calculadora e tabela do campeonato em mãos para observar todas as possibilidades e buscar achar os caminhos necessários para evitar mais um rebaixamento. É com muita tristeza que escrevo um texto desse tipo. Foi avisado o ano inteiro, cobramos, pedimos mudanças, mas nada foi feito. Submeter-nos a essa situação novamente é lamentável. Mas, já que não tem outra saída, vamos às análises.

OS JOGOS RESTANTES

Das cinco partidas que ainda iremos disputados, TRÊS serão em casa e duas fora. Dois times que brigam contra o rebaixamento (Figueirense e Coritiba), dois times na briga pela Libertadores (Atlético/PR e Santos) e um time na briga pelo título (Palmeiras). Desenhado o cenário prévio, vamos entender como cada um desses jogos pode nos ajudar a escapar da degola.

SUPERANDO O FURACÃO

O Atlético/PR tem a 3ª pior campanha do Brasileirão 2016 jogando fora de casa. Em 16 jogos, a equipe paranaense venceu apenas duas, empatou uma e perdeu 13 vezes. Apesar de não estarmos tão bem jogando em casa, é obrigação vencer. Eles estão na briga pela Libertadores, mas a força do Barradão precisa prevalecer.

Possíveis cenários: Vitória vence o Atlético/PR, Internacional perde para o Palmeiras, Coritiba perde para o Atlético/MG, Figueirense empata com a Chapecoense e Sport perde para o Grêmio.

CONTRA O PEIXE É COMPLICADO

Enfrentar o Santos na Vila Belmiro é uma missão muito complicada. E piora quando observamos os números: em 16 jogos do Santos como mandante contra o Vitória no Brasileirão, 11 triunfos do Peixe e cinco empates. Nunca vencemos eles por lá. É o jogo mais complicado que temos nessa reta final, ainda mais considerando que o Santos quer muito seguir na briga pela Libertadores e até mesmo sonhando com o título.

Possíveis cenários: Vitória perde para o Santos, Coritiba vence o Santa Cruz, Figueirense empata com o Corinthians, Sport vence o Cruzeiro e Internacional vence a Ponte Preta.

PARA “MATAR UM CONCORRENTE”

Nos cenários que montamos até o momento, Vitória e Figueirense fariam o duelo da vida da equipe catarinense. O Leão teria 4 pontos de vantagem e se vencer o duelo rebaixaria os catarinenses. É nisso que nos apoiamos. Triunfo e a briga fica mais restrita.

Possíveis cenários: Vitória vence o Figueirense, Coritiba perde para o Flamengo, Internacional perde para o Corinthians e Sport perde para o Atlético/PR

A GRANDE DECISÃO

Com nosso cenário simulado até aqui, Vitória e Coxa chegariam na 37ª rodada com a mesma pontuação (42). O duelo no Couto Pereira seria uma verdadeira batalha. Não enxergo um vencedor, portanto a partida terminaria empatada e a verdadeira luta ficaria para a rodada final.

Possíveis cenários: Vitória empata com o Coritiba, Internacional vence o Cruzeiro e Sport empata com o América/MG.

NÃO PODE AMARELAR!

Ainda na briga pelo título, o Palmeiras consagraria-se campeão com um empate. Como o Vitória tem um histórico negativo em últimas partidas, conseguiria apenas um empate. Considerando que a nossa maior briga é com o Coxa e eles encaram a Ponte, apostamos em um empate também. Ficaríamos na Série A pelo número de vitórias.

Possíveis cenários: Vitória empata com o Palmeiras, Coritiba empata com o Palmeiras, Internacional perde para o Fluminense e Sport vence o Figueirense.

CÁLCULOS

Geralmente o número de pontos necessários para não ser rebaixado gira em torno de 46. Acredito que o Vitória chega a 44 e não cai justamente pelo fato dos adversários (Internacional e Coritiba) também chegarem apenas a esse número.

ALÉM DAS SIMULAÇÕES

Claro que todas essas situações são apenas simulações daquilo que EU acho que pode rolar. No entanto, o futebol (e principalmente o Esporte Clube Vitória) é muito imprevisível. Para não cair, o caminho é FAZER A NOSSA PARTE. Vencer os jogos, buscar os pontos. Só depois disso pensar nos adversários. O maior inimigo do Vitória nas horas decisivas é ele mesmo, espero que não seja assim em 2016.


Você pode sugerir pautas, assuntos, deixar críticas e conversar comigo aqui no espaço dos comentários ou através do meu Twitter @heiderzito. Não deixe de acompanhar também o site Arena Rubro-Negra, maior portal dedicado exclusivamente à torcida do Leão da Barra e site que também faço parte.

Heider Mota

Baiano, 21 anos, estudante de jornalismo e amante dos esportes.

Twitter: @heiderzito

%d blogueiros gostam disto: