Vôlei – Divulgada a tabela da Superliga Masculina e Feminina

Logo após uma temporada de grandes resultados das seleções brasileiras de quadra e praia nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, o vôlei brasileiro vira o foco para o principal campeonato do seu calendário. A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) divulgou, nesta segunda-feira (03.10), a tabela da Superliga masculina e feminina 2016/2017 e A competição terá início no dia 26 de outubro, com o confronto entre JF Vôlei (MG) e Brasil Kirin (SP). O feminino começará no dia 27, com dois jogos: Renata Valinhos/Country (SP) x Dentil/Praia Clube (MG) e Concilig/Finch/Vôlei Bauru (SP) x Camponesa/Minas (MG).

Os dois naipes apresentarão novidades nesta edição. A Superliga masculina contará com o Caramuru Castro (PR), que ganhou a vaga através da Superliga B, assim como o Fluminense que estará na elite na competição feminina.

A parte técnica também terá mudanças. De acordo com o regulamento, com o fim das paradas no oitavo e no 16º ponto – seguindo o novo formato das competições internacionais. Outra alteração para esta edição da Superliga acontecerá na fase de playoff. Na masculina, as séries de quartas de final e semifinais serão em cinco jogos. Na feminina, acontecerá o mesmo apenas na fase semifinal. As duas finais seguem em jogo único.

A pontuação continua igual. Em caso de vitória por 3 sets a 0 ou 3 a 1, o time ganga 3 pontos. A equipe que sofrer derrota por 3 a 0 ou 3 a 1, não pontua. Em caso de resultado por 3 a 2, dois pontos para o time vencedor e um para o perdedor.

622_55d3dda8-5d5e-3ebe-a986-b94135da2cf4

A Superliga masculina 16/17 contará com Sada Cruzeiro (MG), Brasil Kirin (SP), Funvic Taubaté, Sesi-SP, Montes Claros Vôlei (MG), Vôlei Canoas (RS), Maringá Vôlei (PR), JF Vôlei (MG), Minas Tênis Clube (MG), Bento Vôlei (RS), São Bernardo Vôlei (SP) e Caramuru Castro (PR).

56b4a621574ff1

No feminino, estarão na disputa Rexona-Sesc (RJ), Dentil/Praia Clube (MG), Camponesa/Minas (MG), Vôlei/Nestlé (SP), Sesi-SP, Rio do Sul (SC), Esporte Clube Pinheiros (SP), Terracap/BRB/Brasília Vôlei (DF), São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP), Concilig/Finch/Bauru Vôlei (SP), Fluminense Futebol Clube (RJ) e Renata Valinhos/Country (SP).

A competição terá transmissão da RedeTV! e do SporTV ao longo das fases classificatória e playoffs e também da TV Globo nas duas decisões. O melhor jogador de cada partida, o dono do Troféu VivaVôlei, continuará sendo eleito pelos torcedores através de votação no site da CBV.

Marcelo Tadeu Parpinelli

Um cara que gosta de opinar sobre tudo, principalmente daquilo que não conhece e não entende. Aspirante a filósofo nas horas vagas.

%d blogueiros gostam disto: