HTE Sobre Rodas #20 – O último GP do Brasil de Felipe Massa

O dia 13 de novembro de 2016 foi marcante para os fãs de automobilismo. Nesse dia aconteceu o GP do Brasil de Fórmula 1, mais uma vez disputado no circuito de Interlagos. E dentre disputa de título, chuva e fortes emoções, a despedida de um brasileiro foi o momento mais impactante.

Felipe Massa sequer finalizou a prova. Após apostar em pneus intermediários, o piloto da Williams acabou rodando seu carro, batendo e abandonando a corrida na 48ª volta. No entanto, esse foi o grande momento vivido em Interlagos no domingo (13). Massa saiu andando para os boxes, pegou uma bandeira do Brasil e acenou para os torcedores, que aplaudiam muito. Ao entrar na área dos boxes, o piloto brasileiro foi surpreendido ao ver os funcionários de Mercedes e Ferrari também o aplaudirem, em um dos momentos mais marcantes da história da categoria.

Funcionários da Ferrari aplaudem Felipe Massa no GP do Brasil (Foto: @ScuderiaFerrari)
Funcionários da Ferrari aplaudem Felipe Massa no GP do Brasil (Foto: @ScuderiaFerrari)

“Peço desculpas, queria acabar a corrida. Mas tenho que agradecer à torcida pelo respeito. Eu estava tentando, mas vai ser um dia inesquecível para a minha vida. A última corrida no Brasil na F1. Espero correr em outra categoria no Brasil, é algo especial. Saio de cabeça erguida e com o coração apertado”, disse Felipe Massa em entrevista à Rede Globo logo após os momentos de emoção.

Massa pode não ter sido o vencedor que o Brasil precisava na Fórmula 1, mas foi quem fez o brasileiro torcer muito em 2008, como nunca mais havia acontecido. Sentiremos saudades. Ainda há futuro para a F1 no Brasil?

SOBRE A CORRIDA…

cxk4mnywqaecm11

Diversas paralisações por causa da chuva, mas ainda assim uma corrida emocionante. Lewis Hamilton venceu de ponta a ponta e deixou a disputa do título para Abu Dhabi. O piloto britânico realizou seu sonho de vencer no Brasil e agora é o segundo maior piloto da história da F1 em número de triunfos, 52, trás apenas da lenda Michael Schumacher.

cxaj4y4weaagzws

Em meio a tantos acontecimentos, o holandês voador se destacou. Max Verstappen deu um show com sua agressividade na pista e encantou os brasileiros e também quem assistia pela TV. Tem futuro demais o menino de apenas 19 anos!

E aí, quem ficará com o título: Rosberg ou Hamilton? Façam suas apostas!!!

Heider Mota

Baiano, 21 anos, estudante de jornalismo e amante dos esportes.

Twitter: @heiderzito

%d blogueiros gostam disto: