NFL – Destaques da semana #16

Às 0h do Natal, um jogo que ninguém ficou muito triste de perder
Na virada do feriado natalino, o Houston Texans estreou o QB Tom Savage contra os Bengals. Foram praticamente quatro períodos em que ninguém perdeu muito de NFL acompanhando as piadas do tiozão do pavê. Os Tds saíram somente no último período. Um pra cada lado. O primeiro foi dos Bengals, com um passe curto de Andy Dalton e corrida de Brandon LaFell, aos 10:45. Os Texans devolveram aos 8:47, deixando novamente a franquia de Houston na frente novamente.Com muito sacrifício Dalton conduziu o time até a linha de 43 jardas e foi aí que tudo se complicou. Randy Bullock, que marcou os 3 pontos no final do primeiro tempo, desta vez não teve a mesma sorte. Os Bengals erraram o field goal a 5 segundos do final da partida e enterraram as chances de avançar para a pós temporada.

Com passe do gordinho, Chiefs encaminham sua passagem para os playoffs
O Kansas City Chiefs definiu os playoffs da Conferência Americana da NFL na noite deste domingo. O time do brasileiro Cairo Santos venceu o Denver Broncos por 33 a 10 e eliminou os atuais vencedores do Super Bowl da pós-temporada. Destaque para o touchdown em passe de Dontari Poe, que é nose tackle (jogador de defesa) e tem nada mais nada menos do que 1,92m e 157kg, no que foi o lançamento para a endzone mais pesado da história da NFL.

Um jogo com dois derrotados
Em Okland, os Raiders venceram o Indianapolis Colts por 33 x 25 e deixaram o time de Andrew Luck fora dos playoffs pela segunda temporada consecutiva. Até onde vai a paciência de Jim Irsay com Chuck Pagano? Já os Raiders ficaram próximos dos playoffs na temporada, mas não tiveram muito ânimo para comemorar no final. Derek Carr, QB que tem grande responsabilidade na boa campanha dos Raiders e era um dos favoritos ao prêmio de MVP da temporada regular, fraturou a fíbula e não deve retornar aos gramados. Duro golpe para um time que volta aos playoffs após 14 anos.

Prazer, meu nome é Big Ben
Enquanto um torcedor do Steelers xingava o QB durante o jogo na redação do HTE, Big Ben mostrou por que é um dos melhores de sua geração. NUm jogo complicado, parelho, conduziu o drive da virada que terminou num passe para Antonio Brown, outro monstro da equipe, esticando-se para a endzone a 9 segundos do fim da partida.

Mr Dezembro
No Laumbeu Field faz muito tempo que Aaron Rodger não sabe o que é perder em dezembro. Em dia perfeito do QB, o Green Bay Packers ganhou fôlego na briga pela vaga nos playoffs. Líder da equipe, o comandou as ações diante do Minnesota Vikings no fácil triunfo por 38 a 25. Rodgers conseguiu quatro passes para touchdown, não sofreu nenhuma interceptação e ainda correu para um belo TD ao se livrar da defesa rival com uma ginga de corpo. Com a vitória, sua franquia venceu a quinta seguida na temporada regular e chegou a nove vitórias e seis derrotas na divisão NFC Norte.

E olha os Dolphins perto dos playoffs
O Miami Dolphins deu um passo importante rumo aos playoffs da NFL na noite deste sábado. Mesmo jogando fora de casa, a equipe da Flórida venceu o New York Jets por 34 a 13 e, se a temporada acabasse hoje, a equipe estaria de volta aos playoffs pela primeira vez desde 2008/09. O nome da vitória foi o quarterback Matt Moore, que, aos 32 anos, começou a temporada sem grandes expectativas, mas se converteu em destaque dos Dolphins. Neste sábado, o veterano teve quatro passes para touchdown, com 236 jardas aéreas (12 de 18 nos passes) e uma interceptação.

Marcelo Tadeu Parpinelli

Um cara que gosta de opinar sobre tudo, principalmente daquilo que não conhece e não entende. Aspirante a filósofo nas horas vagas.

%d blogueiros gostam disto: