CLUBE DO POVO #8 – Muito obrigado “Super Alex”

Na noite desta terça (10) foi anunciado que Internacional e Alex chegaram a um acordo e o meio campista não irá atuar no Beira-Rio em 2017. O jogador de 34 anos disputou 323 partidas pelo Internacional e marcou 78 gols, conquistou doze títulos incluindo o maior da história do clube: Campeão Mundial FIFA 2006. Participou ainda das vitoriosas campanhas da Libertadores 2006, Recopa Sul-americana 2007, Dubai Cup 2008, Copa Sul-Americana 2008, Recopa Gaúcha 2016 e do Campeonato Gaúcho em seis oportunidades (2004, 2005, 2008, 2014, 2015, 2016).

O torcedor colorado não pode guardar na lembrança o Alex dos últimos dois anos, esse Alex já estava em decadência física e técnica e não conseguia produzir em alto nível, o torcedor deve lembrar do jogador que era o dono da equipe durante o título da Sul-Americana em 2008, o time campeão daquele ano tinha em D’Alessandro e principalmente em Alex seus expoentes técnicos.

“Fica meu agradecimento por tudo que o Inter me proporcionou, por ter mudado minha vida. Todo o meu respeito e admiração a todos as pessoas que trabalhei no Clube, a todos os funcionários e a toda a torcida colorada. Deixo o Inter, mas a minha torcida estará sempre com o clube”, comentou Alex após a rescisão.

O jogador participou de praticamente todos os grandes títulos do clube nesse século, na maioria das vezes como um coadjuvante de luxo para Fernandão, D’Alessandro e tantos outros, mas sempre tendo papel fundamental na equipe.

Alex não era apenas um jogador, era uma liderança desde os seus primeiros jogos no clube, o torcedor que o apelidou de “Super Alex” tinha um carinho todo especial pelo meio campista de chute apurado e voz fina. O ciclo encerrou, o futebol não era mais o mesmo, o ídolo continua.

De todos os torcedores colorados: Muito Obrigado “Super Alex”.

Muito Obrigado ídolo!

Leonardo Pereira

Estudante de jornalismo e criador de teses sem noção nos momentos vagos. Twitter: @isentoever

%d blogueiros gostam disto: