MOSTRA TEU VALOR #25 – É preciso ter paciência?

Foto: Moyses Suzart / EC Vitória

Quem olha de fora pensa que estou maluco ao não parar de dizer FORA ARGEL em todos os jogos do Vitória. Foram 10 partidas oficiais na temporada até aqui. Os números não são nada ruins. Oito vitórias, um empate e uma derrota. Na cultura brasileira onde o resultado é mais importante que o trabalho, o Vitória segue essa linha, infelizmente. O resultado está sendo muito mais valorizado que a construção de um bom trabalho.

É de visão unânime que o Vitória ainda não apresentou um bom futebol na temporada. Nem na goleada por 6×1 em cima do fraquíssimo Flamengo de Guanambi pelo Campeonato Baiano. O rubro-negro vem penando para ganhar de adversários sofríveis, como foi o caso do jogo contra o Bahia de Feira, também a partida diante do Bragantino pela Copa do Brasil. Paramos e nos perguntamos: por que isso?

Quem defende Argel argumenta que não houve tempo ainda para ajustar a equipe, foram muitos reforços, a maratona de jogos é grande e não há tempo direito nem para treinar. Tudo bem, não posso discordar e ignorar isso. Mas o que vemos no Vitória de 2017 são as mesmas características do Vitória de 2016, mesmo com peças diferentes. O que muda mesmo é que sem Marinho não temos aquele escape de velocidade que resolvia.

A questão é que temos um elenco muito melhor, muito mais qualificado. Ainda que a defesa não tenha se encontrado direito, principalmente nas laterais, temos peças melhores que no ano anterior, mas o estilo do treinador cada vez mais se mostra incompatível com o elenco formado.

Se até para a diretoria Argel era o Plano B, imagine para o torcedor. Torcedor aquele que não se iludiu com “foi ele que livrou o Vitória do rebaixamento”. Tire os números de Marinho e veja o que/quem salvou o Vitória da Série B. Argel chegou na hora certa, apagou o incêndio e deveria ter saído em alta, ao conquistar o objetivo. Sua permanência foi uma das escolhas mais erradas da diretoria até o momento. E podemos pagar caro mais para frente.

Dizem que precisamos ter mais paciência. Certo. Paciência até quando? Até onde? Até ser eliminado da Copa do Brasil? Até cair vexatoriamente na Copa do Nordeste? Ou vai aguardar perder para o rival no clássico? É notório que só estão aguardando uma justificativa para mandar Mr. Fucks embora. Só temo que quando essa hora chegar seja tarde demais para recuperar…


Você pode sugerir pautas, assuntos, deixar críticas e conversar comigo aqui no espaço dos comentários ou através do meu Twitter @heiderzito. Não deixe de acompanhar também o site Arena Rubro-Negra, maior portal dedicado exclusivamente à torcida do Leão da Barra e site que também faço parte.

Heider Mota

Baiano, 21 anos, estudante de jornalismo e amante dos esportes. Twitter: @heiderzito

%d blogueiros gostam disto: