ACADEMIA ALVIVERDE #26 – A força de um elenco unido

Texto: Bianca Ramos

Em um jogo que não tinha muito valor para o Palmeiras no Paulistão, o Allianz Parque recebeu pouco mais de 20 mil torcedores interessados em saber como o time iria se portar em campo diante do Mirassol sem algumas de nossas principais peças: Mina, Guerra, Dudu e Borja estão com suas respectivas seleções e Vitor Hugo cumpriu seu último jogo de suspensão pela cotovelada no derby.

Para quem esperava jogo fácil e goleada, se enganou. Foi como um treino, no qual o Palmeiras utilizou jogadores e esquemas diferentes e nós torcedores pudemos ver quantos atletas bons temos no elenco.

Destaque para o zagueiro Antônio Carlos, que desde que foi escalado na primeira partida da Libertadores, foi firme nos lances e soube ajudar o time na saída de bola.

No ataque, o protagonista foi Rafael Marques, que é estrela nos clássicos e recentemente alvo de rumores sobre a saída do verdão. Benzemarques renasceu como uma fênix e abriu o placar em um lance completamente sem ângulo. 1 x 0 Palmeiras. No final da partida, o nosso pitbull Felipe Melo subiu com maestria dentro da área para marcar seu primeiro gol com a camisa do Verdão. Esse cara vai fazer história aqui, anotem. Final de jogo: 2 x 0 Palmeiras.

Um jogo sem histeria, no qual o líder do Paulistão venceu mais uma e provou que tem elenco para buscar muitos títulos em 2017. Sempre nas entrevistas na saída de campo, os jogadores mencionam a união da equipe e é isso que nós torcedores esperamos. União, raça e bola na rede, independente de quem esteja escalado.

%d blogueiros gostam disto: