CLUBE DO POVO #13 – Zago, é impossível realizar o simples?

Em qual momento um treinador começa a perder o apoio da torcida? Péssimos resultados é um deles, futebol apresentado pela equipe é outro, mas o principal é quando começa a inventar nas escalações, deixando jogadores que já demonstraram ser importantes para o time e merecer a titularidade no banco de reservas, além de escalar atletas que a torcida já não simpatiza, e que falham de maneira frequente.

Antônio Carlos Zago iniciou o seu trabalho com apoio e calma por parte da diretoria e torcida, dando um certo período para o treinador arrumar a equipe que vinha totalmente desfigurada após o rebaixamento no ano anterior, e Zago conseguiu montar uma equipe que apresentava bom futebol, tendo como escalação padrão: Danilo, Alemão, Paulão e Ortiz, Uendel, Dourado, Charles, D’Alessandro e Carlinhos (Roberson), Carlos e Brenner. Com a chegada de Victor Cuesta para a zaga, era esperado que o inconstante Paulão saísse da equipe titular, e o jovem Léo Ortiz fosse mantido, e aí entra um dos erros de Zago, manter Paulão em detrimento de Ortiz é inexplicável, o primeiro tem falhas graves nas últimas temporadas pelo colorado e não tem nenhum apoio por parte da torcida, o segundo é um jovem que demonstra muita habilidade e um fator de liderança incrível para a sua idade.

Nico Lopez é um dos destaques do time, mas acaba sendo reserva em alguns jogos

O segundo problema ainda vem da defesa, com William tomando a vaga que antes era disputada por Alemão e Junio, contudo o lateral que teve grande temporada em 2016 parece estar em um nível de concentração abaixo dos companheiros e apesar da sua qualidade ele já demonstrou não estar afim de atuar pelo colorado.

O terceiro vem da dupla de volantes, com o promissor Charles que vinha sendo destaque indo parar no banco de reservas para a entrada de Anselmo, que tem grandes problemas com o excesso de cartões e que em nenhum momento empolgou a torcida ou apresentou um futebol que o levasse à titularidade.

No ataque o time já sofria com a sobrecarga em D’Alessandro, contudo isso piorou após as lesões de Carlinhos e Carlos, com isso entraram na equipe Nico Lopez que vem tendo ótimas atuações e Roberson que tem grande apoio de Zago, até aí tudo certo, saem dois jogadores que vinham de boas atuações e entram outras que mantém ou elevam o nível, mas isso seria fácil demais para Zago, o técnico colorado decide revesar Nico e Valdivia que vive fase terrivel, além de estar sendo visto com maus olhos pela torcida, o nível de atuação diminuiu ainda mais. Isso sem contar os problemas de mudança de formação realizadas pelo treinador.

Zago, a torcida colorada lhe pede, faz o simples, não é pedir demais, sem improvisações ou jogadores que já demonstraram não poder ser titulares do time, escale o time que todos perceberam ser o melhor e não inventa ou seu cargo irá começar a ficar em cheque.

Leonardo Pereira

Estudante de jornalismo e criador de teses sem noção nos momentos vagos. Twitter: @isentoever

%d blogueiros gostam disto: