Jogou pra perder, mas ganhou. A atuação desastrosa do Corinthians diante do Brusque

O torcedor alvinegro que acompanhou a partida entre Brusque x Corinthians pela segunda fase da Copa do Brasil, deve ter se revoltado bastante com a atuação pífia da equipe corintiana ante uma equipe de Série D do campeonato brasileiro.

Diante de pouco mais de 4 mil torcedores, o Corinthians não conseguiu seguir o exemplo de São Paulo e Fluminense, que eliminaram seus adversários com um placar confortável. Mais uma vez teve de ser sofrido, na raça, e como no título da matéria já anunciava, fazendo de tudo para ser eliminado, mas por conta de erros do próprio Brusque, o timão avançou para a próxima fase da competição.

Há algumas partidas do Paulistão, o Corinthians não conseguia mostrar sua superioridade, quando enfrentava adversários do interior paulista. A maior prova disso, são os placares apertados, conquistados na maioria das vezes no final do jogo, quando apenas um jogador da equipe consegue se destacar em meio aos onze. Veja os últimos resultados do timão no campeonato paulista e copa do Brasil:

Mirassol 2×3 Corinthians
Corinthians 1×0 Palmeiras
Audax 0x1 Corinthians
Corinthians 1×0 Novorizontino
Caldense 0x1 Corinthians
Corinthians 0x2 Santo André
Corinthians 1×0 São Bento

Outro fator importante que impede a equipe de parque São Jorge de ser superior em partidas eliminatórias, é o medo de se expôr demais, e acabar cedendo ataques aos adversários. Ontem, foi assim. O Brusque claramente tinha como estratégia fazer contra-ataques nos erros corintianos, e várias vezes a equipe catarinense conseguiu arrancar aplausos da sua torcida, quase chegando a marcar o seu gol.

No final, a partida terminou em 0x0, e acabou indo para os pênaltis. Mais uma vez, o Brusque teve todas as condições de vencer, pois havia acertado as quatro primeiras cobranças, e do lado corintiano, Jadson havia perdido um pênalti.

A história se tornou dramática para o lado catarinense, quando João Carlos bateu seu pênalti, mandando uma bomba no travessão, tirando das mãos do Brusque, a chance de classificação, pois Jô viria a acertar a sua cobrança e empatar o placar em 4×4. As penalidades a partir de então, foram de forma alternada. Carlos Alberto cobrou para o Brusque e perdeu, e Romero para o Corinthians, marcou e decretou a vitória alvinegra em solo catarinense.

Mesmo com o avanço para a próxima fase, a partida não convenceu os corintianos, que esperam uma melhora com a entrada de Jadson na equipe titular. O próximo adversário do Corinthians na Copa do Brasil, será o Luverdense. Os mandos de campo nas partidas de ida e volta, ainda serão decididos em sorteio, nessa quinta-feira.

 

Rafik Oliveira

Amante de várias modalidades esportivas, trago á tona diversos temas que abordam o cenário nacional, sempre com uma visão diferenciada para cada tipo de situação.

%d blogueiros gostam disto: