Quartas de final que prometem na Europa League

Todos sabemos que depois do Mundial de Clubes (seja ele organizado pela FIFA ou não), a Libertadores e a UEFA Champions League estão empatadas como principais torneios de futebol quando falamos de times. A primeira tem todo um charme e inúmeras peculiaridades que a tornam ótima e a segunda traz para os campos os maiores craques do mundo do futebol atual. No entanto, a Europa League tem o seu destaque principalmente num quesito que a UCL jamais vai igualar: previsibilidade. Enquanto a primeira tem sempre os mesmos times disputando as fases finais, a segunda é um show de zebras, confrontos esquisitos de times pequenos e bons jogos, algumas vezes em até locais inóspitos.

A Europa League agora dá uma vaga para Champions League e por isso se tornou ainda mais importante e disputada. E as fases finais com muitos times tradicionais e até grandes potências europeias como Manchester United, Ajax e Lyon. Vamos a análise dos confrontos das quartas de final desse ano, que prometem ser acirradas e com um bom futebol.

ANDERLECHT X MANCHESTER UNITED

Os dois times se classificaram em segundo lugar em seus grupos, mas a diferença de força e de folha salarial nem se discute. O United é o time com mais títulos na Inglaterra, um gigante adormecido e que está se recuperando (ainda) da saída de Alex Ferguson e atualmente ocupa o sexto lugar na Premier League sob o comando de José Mourinho, Ibrahimovic e Paul Pogba. É muito favorito a passar de fase. Mas se tratando de UEL eu não duvidaria da força do Anderlecht que lidera o campeonato belga e eliminou o poderoso Zenit, que era um dos favoritos ao título da competição. Promessa de dois bons jogos. Mas se eu pudesse dar um conselho ao time inglês seria esse: Cuidado com a zebra, Diabos Vermelhos!

CELTA X GENK

O outro belga ainda vivo na competição, o Genk vem sendo uma das surpresas boas desse ano da UEL. Demonstrou um bom futebol na fase de grupos ficando em primeiro em seu grupo e depois contou com a sorte nos sorteios da segunda fase eliminando Astra e Gent, tendo o Celta como principal desafio da segunda fase da competição. O Celta de Vigo tem um time mais encorpado e com mais chances de sair com a vitória. Não vai muito bem no campeonato espanhol ocupando a 12ª posição nesse momento, mas a campanha europeia é boa, já tendo eliminado um dos principais favoritos, o ucraniano Shaktar Donetsk na segunda fase da competição, fora de casa. Equilíbrio é a palavra-chave desse confronto.

AJAX X SCHALKE 04

O Ajax é um dos times mais tradicionais da Europa e celeiro de grandes craques, como Cruyff, Bergkamp, Van Baster, Kluivert. Mais uma vez, vem com um time arrumado, boas táticas e com muitos jogadores de sua forte base, que novamente é a arma para conquistar mais um título europeu. Como sempre está “nas cabeças” no campeonato holandês, ocupando a segunda posição, quatro pontos atrás do líder Feyenoord. Fez boa campanha passando em primeiro lugar na primeira fase e na segunda fez o simples e jogou com o regulamento para passar por Legia e Copenhague. Já o Schalke faz uma temporada razoável e busca na UEL um alento para as atuações fracas que lhe rendem atualmente a 11ª posição no Alemão. Eliminou o PAOK e o outro alemão Borussia Monchengladbach (escrevi sem Google, juro) na segunda fase, mas não passa muita confiança. Nesse confronto, o Ajax é favorito. Mas não ter nada a perder pode ser um perigo. Bons jogos vem por aí.

LYON X BESIKTAS

No campeonato francês dominado por PSG e Monaco, com a surpresa Nice correndo por fora, o quarto lugar Lyon vê na Europa League a chance de ganhar um título de expressão nessa temporada. O time faz boa campanha e o artilheiro Lacazette faz uma temporada goleadora, tendo grande importância nessa caminhada europeia da equipe francesa. O Lyon vem inspirado após eliminar a forte Roma, mas vai enfrentar uma pedra grande no caminho. O Besiktas, líder do campeonato turco e um dos times mais difíceis de se enfrentar na Europa League, sempre mostra sua força e elimina grandes times. E quando perde vende a derrota muito cara. É o confronto mais equilibrado dessas quartas de finais e tem tudo para ser os melhores 180 minutos dessa fase.

Lucas Farias

Carioca, 25 anos, nem um pouco jornalista, mas apaixonado por esportes, principalmente futebol. Flamengo, Tottenham, Miami Heat e New Orleans Saints.

%d blogueiros gostam disto: