RECANTO DA COLINA #6 – Alguém ainda ousa chamar Cristóvão Borges de treinador?

Meus amigos, o Vasco finalmente tem um técnico e seu nome é Milton Mendes. Em apenas 2 jogos, deu ao nosso Cruzmaltino um novo futebol, mais dinâmico, inteligente e preciso. Com seu estilo professor e muito incentivador fora das 4 linhas, trouxe um novo ambiente ao clube: mais leve e comprometido. Aquele futebol desinteressado que jogavam ficou para trás. Hoje podemos afirmar: O Vasco da Gama tem treinador!

Lembram das atuações displicentes de nossos jogadores, principalmente na derrota para o Volta Redonda e no empate com o Macaé – na estreia do Luís Fabiano? Nosso “treinador” era Cristóvão Borges. Não tinha apoio da torcida e parecia não ter dos jogadores também. Seu jeito passivo e frouxo não cativou no início e, conforme os dias passavam e o trabalho não era demonstrado, sofria uma rejeição cada vez maior.

Chegou Milton Mendes! Não teve aprovação de 100% da torcida em seu primeiro jogo no banco, porém ganhou até gritos de apoio oriundos da arquibancada nessa mesma partida. Lembram que, após cada jogo disputado, Cristóvão pedia tempo para que a equipe ganhasse entrosamento e sua tática de jogo fosse melhor executada? Então, Mendes assumiu a equipe e, em apenas 2 jogos, deu isso tudo aí que Cristóvão tanto tempo pedia para ser executado. Será que alguém ainda ousa chamá-lo de treinador?!

 

GIGANTE desde 1898! #PopularSemSerPopulista

Siga: @Igor_Calazans | Nós nos vemos em São Januário!

– Saudações Vascaínas!

 

Foto: Divulgação/Paulo Fernandes/Vasco.com.br

%d blogueiros gostam disto: