Atle-Tiba no Youtube: pode virar tendência?

Durante essa semana, ocorreram especulações de que a final do campeonato paranaense poderia ser transmitida via internet (Youtube). Essa noticia caiu na boca do povo e dos jornalistas que discutem sobre futebol. Então, a partir disso, decidimos trazer esse tema a tona e esclarecer; Afinal, a transmissão de partidas de futebol via Streaming, pode virar tendência em nosso país?

O problema já vêm desde a primeira partida em fevereiro, entre as duas equipes. A Rede Globo teria oferecido um valor baixo, (cerca de R$ 1,5 milhões) dentro da pedida dos clubes com relação ao campeonato passado (R$ 2 milhões), e a partir disso, as diretorias se reuniram para fechar alguma forma de transmissão que consequentemente oferecesse uma quantia superior à da emissora global. Até que dias antes da partida, foi fechada uma parceria com o Youtube, para que fosse a única responsável pelos direitos de transmissão do jogo.

Mas, um entrave novamente dificultou as coisas, pois a equipe que comandaria a partida, seria do Esporte Interativo; canal que há alguns anos vem brigando por seu espaço no futebol nacional, quando inclusive, adquiriu o direito de transmitir o campeonato brasileiro a partir de 2019 fechando acordo com alguns clubes do país. Infelizmente, por determinação da Federação Paranaense, a partida teve de ser adiada e remarcada para uma data futura. E, enfim aconteceu, no dia 01 de março, com uma audiência bem considerada para uma transmissão via internet, onde cerca de 2,2 milhões de pessoas chegaram a assistir o clássico pela plataforma.

Depois de todo o ocorrido, ficou uma certa dúvida na cabeça dos torcedores, se realmente valeria a pena deixar de receber uma quantia menor de uma emissora de Tv para apostar em um modelo inovador, transmitindo via internet? Logicamente que surgiram várias opiniões, algumas contra e outras a favor. Alguns alegam que o fato de já ter acesso à internet em suas residências, ajudaria bastante, já outros dizem que preferem o modelo televisivo, por já estarem acostumados, além de não ter apenas aquele determinado jogo para assistir, possuindo uma grade de canais ao seu dispôr.

No Brasil, atualmente, a categoria de transmissão via Streaming vem tendo alta a cada dia que passa. Vários fornecedores de conteúdo de entretenimento via Streaming, como a Netflix, e canais de Tv que tem seus próprios pacotes à la carte, como é o caso do EI Plus, estão se tornando uma febre em nosso país. O poder da escolha sobre qual filme ou partida de futebol assistir, é uma forma das quais tem sido mais utilizadas por pessoas que buscam esse tipo de serviço.

Independente de qual seja a forma de transmissão, é direito do torcedor ter poder sobre a escolha do que assistir, desde que ele pague uma taxa para tal escolha. O certo, é de que essa briga entre direitos de transmissão via internet ou Tv por assinatura, está apenas começando. Teremos novos capítulos a partir da próxima transmissão da final do Paranaense, a ser realizada domingo (30), na Arena da Baixada.

Rafik Oliveira

Amante de várias modalidades esportivas, trago á tona diversos temas que abordam o cenário nacional, sempre com uma visão diferenciada para cada tipo de situação.

%d blogueiros gostam disto: