Dugout – Volta de Jeter, MVP de casa nova e bolada monstra na MLB

Estreia da coluna Dugout, que trará o noticiário sobre as notícias mais curiosas e/ou significativas da MLB durante a semana. Mais conteúdo de qualidade sobre os esportes americanos.

Derek Jeter nos Marlins?

Calma torcedor dos Yankees, Jeter não resolveu sair da sua aposentadoria. Seu retorno para a MLB seria em outra posição, fora do campo. O capitão está interessado em adquirir o Florida Marlins, de acordo com a imprensa especializada. O valor de mercado dos Marlins está estipulado em 1 bilhão de dólares. Jeter não tem o capital necessário para adquirir a franquia sozinho, mas está buscando alternativas. O treinador dos Marlins, Don Mattingly, comentou a especulação: “Jeter sempre quis ser um dono de franquia na MLB. (…) Ele será um dos bons, pois ele é do tipo de cara que sempre busca ser o melhor no que faz”. Aguardamos.

Ryan Howard de casa nova

Após 13 temporadas atuando pelos Phillies, onde foi MVP da Liga Nacional em 2006 e ganhou uma World Series em 2008, Ryan Howard deixou a equipe na última temporada, de forma emocionante. Com 37 anos, o jogador considera que ainda tem lenha para queimar e acertou um contrato com o Atlanta Braves. A princípio a ideia é que o jogador realize a sua pré temporada atuando pela equipe triple-A dos Braves. Na carreira, Howard tem um aproveitamento de 25,8% no bastão, além de 382 home runs e 1192 corridas impulsionadas. Ele pode ser uma boa arma vinda do banco de reservas da equipe.

Escapou de uma boa…

O outfielder Keon Broxton, do Milwaukee Brewers, passou por apuros na partida contra o Colorado Rockies. Broxton acabou sendo acertado por uma bola rápida arremessada por Antonio Senzatela. A paulada, a 92 milhas por hora, derrubou Broxton na hora. Por sorte, a bola acertou o capacete, diminuindo o impacto da pancada. “Parece que fui acertado por Mike Tyson, mas, além disso, me sinto bem.” declarou o jogador após a partida. Não fosse o capacete, a história poderia não ter um final feliz…

 

Molhando as bolas

Não, não é um título de filme erótico. Essa é a solução encontrada pelo Arizona Diamondbacks para melhorar o “grip” das bolas para os arremessadores quando atuarem no Chase Field, casa dos DiamondBacks. A ideia é repetir o que já é feito pelo Colorado Rockies, que armazenam as bolas da partida em um umidificador, para diminuir os efeitos da altitude de Denver nas bolinhas. Após uma consulta com arremessadores que já atuaram em Arizona, a ideia é que o umidificador diminua os efeitos do deserto. É esperar para ver.

Bola presa

Pensou que só no basquete existiria lances de bola presa? O jogo entre Cardinals e Cubs mostrou o contrário. Após um arremesso ruim de de Brett Cecil, dos Cardinals, a bola ficou colada ao protetor peitoral do catcher de St. Louis, Yadier Molina. Molina não conseguiu ver a bola presa e ficou procurando, enquanto Matt Szczur correu para a primeira base. O problema é que após o home run de 3 corridas de Kyle Schwarber, com Szczur sendo um dos homens em base, os Cubs viraram a partida e terminaram vencendo o confronto por 6-4. Os Cardinals não acharam nada engraçado. Já os torcedores de Chicago…

Continuem acompanhando a cobertura da MLB no HTE Sports, sigam as nossas redes sociais:

Facebook: HTE Sports
Twitter: @HTE__Sports
Instagram: @htesports

%d blogueiros gostam disto: