Entenda porque Alonso vai correr as 500 Milhas de Indianápolis

Além do GP de Mônaco e das 24h de Le Mans, as 500 Milhas de Indianápolis fazem parte do mesmo patamar de provas mais famosas do mundo automobilistico.

Fernando Alonso já soma duas vitórias no principado (Uma delas em 2007 com a própria McLaren). Agora o ambicioso piloto espanhol busca a glória nas 500 Milhas pela Indy e já almeija as 24h de Le Mans, conquistando então um feito que até agora só Graham Hill conseguiu, a Tríplice Coroa. “É óbvio que vai fazer falta não poder correr em Mônaco neste ano, mas será a única corrida que perderei. Estarei de volta para o GP do Canadá”, explicou Alonso.

A 101ª edição das 500 milhas de Indianápolis, será realizada no dia 28 de maio, mesmo dia que ocorre o GP de Mônaco.

Entretanto, o piloto não rescindiu com a equipe nem deu adeus a Fórmula 1. Alonso tem total aval da equipe que, inclusive, estampará seu nome e cores no carro da Andretti, time da Indy que tem a Honda como fornecedora de motores.

Assim, exclusivamente para a prova, a equipe se chamará McLaren-Honda-Andretti. O time britânico já divulgou que Jenson Button será o substituto do piloto espanhol nas ruas de Monte Carlo. Button, que deu lugar a Stoffel Vandoorne em 2017 para a vaga de titular, continua com seu contrato ativo e trabalhando como embaixador da marca.

%d blogueiros gostam disto: