Rodrigo Caio e o Fair Play: Exemplo ou obrigação?

Texto: Bianca Ramos

No último domingo, em Itaquera, Corinthians x São Paulo protagonizaram o segundo jogo da semifinal do Campeonato paulista, o qual terminou empatado em 1 a 1, mas classificou os alvinegros pelo resultado de 2 a 0 no primeiro jogo.

Dentre os muitos lances polêmicos desse duelo, o zagueiro são-paulino Rodrigo Caio ficou em destaque na mídia após, na partida de ida, ter a atitude ética de revelar ter atingido o goleiro Renan Ribeiro após dividia com atacante Jô, que seria punido com o cartão amarelo e suspenso do segundo jogo da final se não fosse o “Fair Play” do jogador tricolor.

O Fair Play (ou Jogo Limpo) é uma atitude que divide opiniões e provoca debates no meio esportivo, pois vivemos em um mundo onde uns querem ser melhores que outros, tirando proveito de algumas situações que não são muito legais. Logo, quando acontece algo assim no futebol, é tido como uma atitude espantosamente exemplar e que outros jogadores deveriam seguir o exemplo.

Alguns grandes nomes do futebol já disseram que não tomariam a atitude de Rodrigo Caio. O zagueiro Maicon, companheiro de equipe do jogador, disse que “prefere ver a mãe do adversário chorando que a dele”. O ex-jogador Edmundo, hoje comentarista do canal Fox Sports, elogiou, mas disse que não faria.

O próprio atacante Jô, beneficiado pela atitude de Rodrigo Caio, disse estar em débito com ele e que a equipe do Corinthians deve seguir o exemplo caso aconteça algo semelhante nos jogos da final do Paulistão, contra a Ponte Preta. “Essa atitude nos responsabiliza muito. Domingo, fomos os beneficiados. Se acontecer com a gente, temos que fazer igual.”

A questão do Fair Play vai além das quatro linhas do futebol e invade o campo da ética. O que é certo para um, pode não ser certo para o outro, tudo depende das ocasiões e circunstâncias em que estamos no momento. Vai da visão de mundo de cada indivíduo e do que ele considera ético realizar um jogo limpo ou não, seja no futebol ou na vida.

 

%d blogueiros gostam disto: