É penta nas areias

O Brasil recuperou a sua hegemonia nas areais. Neste domingo, a seleção massacrou o Taiti, venceu a final por 6 a 0 e conquistou o título do Mundial de Futebol de Areia, disputado em Nassau, nas Bahamas. Essa é a quinta vez que a equipe levou a taça desde que a competição passou a ser organizada pela Fifa em 2005.

O resultado recolocou o Brasil no patamar de grande potência do futebol de areia. Após conquistar o Mundial em 2006, 2007, 2008 e 2009, a equipe caiu de rendimento nas edições seguintes e foi vice em 2011, terceira em 2013 e eliminada nas quartas em 2015.

O título também coroou o bom momento vivido pela seleção brasileira desde que Gilberto Costa assumiu o comando, em janeiro de 2016. Além do Mundial, o time conquistou outros seis títulos (Sul-Americano, Mundialito Cascais, Mundialito Santos, Copa Intercontinental, Copa América e Eliminatórias) e alcançou uma invencibilidade de 35 partidas.

Para chegar ao pentacampeonato mundial, o Brasil superou na primeira fase o próprio Taiti (4 a 1), a Polônia (7 a 4) e o Japão (9 a 3). Depois, nas quartas, passou por Portugal – campeão mundial em 2015 – por 4 a 3. E, na semifinal, goleou a Itália por 8 a 4.

O Taiti, por sua vez, mais uma vez desperdiçou a chance de conquistar o seu primeiro título mundial no futebol de areia. A surpreendente seleção havia sido bronze em 2013 e vice-campeã em 2015.

No jogo deste domingo, o Brasil precisou de apenas 14 segundos para abrir o placar, com Mauricinho. Datinha, ainda no primeiro tempo, e novamente Mauricinho, no segundo, abriram 3 a 0 e encaminharam a vitória brasileira.

Já no último período, com o jogo totalmente dominado, Catarino e Daniel (duas vezes) completaram a goleada e asseguraram o triunfo que deu o pentacampeonato mundial à seleção brasileira de futebol de areia.

Ainda neste domingo, a seleção iraniana surpreendeu, derrotou a Itália por 5 a 3 e garantiu a terceira colocação do Mundial. Destaque para Ahmadzadeh, autor de três gols para os asiáticos.

Marcelo Tadeu Parpinelli

Um cara que gosta de opinar sobre tudo, principalmente daquilo que não conhece e não entende. Aspirante a filósofo nas horas vagas.

%d blogueiros gostam disto: