Queremos um jogo “incleveland”

A frase dita por Celso Unzelte à Everaldo Marques e equipe na edição do último domingo (11) do Bate-Bola da ESPN, chamou a atenção para o que realmente se espera do 5º jogo das finais da NBA. Mas, para que isso aconteça, o Cleveland Cavaliers terá de jogar o fino do basquete contra o Golden State Warriors, na casa do adversário.

O que vimos na temporada passada, foi um caso a parte na história do basquete americano. Após construir uma vantagem de duas vitórias, tendo o placar de 3 jogos a 1, Golden State, favorito ao título, sofreu a virada em 3 partidas em sequência para os Cavs, com a equipe de Cleveland vencendo duas partidas fora de casa, inclusive a sétima e última, que coroou LeBron James como o cara das finais.

Nessa temporada, com o reforço de Kevin Durant, os Warriors novamente são favoritos à conquista do título. Mas, mesmo perdendo por 3×0 na série melhor de 7, era obrigação dos Cavs vencer o quarto jogo em casa, para  . E assim foi. Na última partida, vemos um time praticamente impecável, vencendo por 137 a 116, com direito a 40 pontos de Kyrie Irving, sendo o cestinha da partida.

Embora os números não falem por si só, o Cleveland Cavaliers fará de tudo para estragar a festa dentro da Oracle Arena e levar o 6º jogo para sua casa, tentando conquistar um feito inédito na história da NBA. O 5º jogo das finais acontece logo mais às 22h com transmissão da ESPN, ao vivo da Califórnia.

Rafik Oliveira

Amante de várias modalidades esportivas, trago à tona diversos temas que abordam o cenário nacional, sempre com uma visão diferenciada para cada esporte.

%d blogueiros gostam disto: