Vem de 5: Jogadores que retornaram para o clube formador

Já dizia o ditado: “O bom filho à casa torna”. Isso é uma constante realidade, tanto no futebol brasileiro, quanto no futebol internacional. Aproveitando a volta de Wayne Rooney ao Everton bolamos essa lista com cinco jogadores que retornaram a seu clube formador. Confira!

CESC FÀBREGAS

Cesc chegou ao Barcelona com apenas 13 anos, após se destacar no Mataró, pequeno clube da região da Catalunha. Apesar de jogar como volante, marcou 30 gols pela base do clube e se destacou. Mesmo assim, não foi promovido ao time principal e em 2003 foi para o Arsenal, clube onde jogou até 2011. Nos Gunners, virou ídolo. Porém, em agosto de 2011, retornou ao Barça e vestiu a camisa 4. Conquistou títulos, mas nunca se firmou. Em 2014, voltou à Inglaterra, agora para jogar no Chelsea.

MARIO GÖTZE

Götze foi um dos grandes destaques do time do Borussia Dortmund que foi campeão alemão nas temporadas 2010/11 e 2011/12. Apesar da identificação com o Dortmund, foi vendido ao Bayern por 37 milhões de euros, o que causou fúria da torcida da Muralha Amarela. Porém, nunca conseguiu ser titular de fato no clube de Munique e, em 2016, voltou ao Borussia. Nesse meio tempo, marcou o gol do título da Alemanha na Copa do Mundo de 2014.

DANIEL CARVAJAL

O lateral-direito foi formado nas divisões de base do Real Madrid, mas não chegou a jogar no time principal. Após se destacar no Real Madrid Castilla, que disputava a segundona espanhola, foi vendido ao Bayer Leverkusen por 5 milhões de euros, em 2010. Três anos depois retornou ao Real Madrid, agora para jogar no time principal, e ser o dono da lateral-direta. No clube merengue, conquistou três vezes a Champions League, entre outros títulos.

GERARD PIQUÉ

Um caso peculiar é o do zagueiro Piqué. Ele foi formado nos times de base do Barcelona e também chegou a jogar na base do Manchester United. Apenas em 2008 voltou ao Barcelona, onde se firmou como titular no time principal, e é um dos principais nomes do time catalão, sempre com declarações polêmicas e forte defesa à independência da Catalunha.

WAYNE ROONEY

Foram 13 anos de espera da torcida do Everton pelo retorno do Shrek. Rooney, revelado nos Blues, deixou a equipe em 2004 para atuar no Manchester United, onde jogou nas últimas treze temporadas, conquistando muitos títulos e notoriedade. Aos 31 anos, retornou ao Everton em 2017.


Você lembra de outros jogadores que retornaram para seu clube formador? Deixa aí nos comentários!

Heider Mota

Baiano, 21 anos, estudante de jornalismo e amante dos esportes. Twitter: @heiderzito

%d blogueiros gostam disto: