Vanderlei e Geromel: as injustiças de Tite na convocação da Seleção Brasileira

VANDERLEI, CÁSSIO E ALISSON

Mais uma convocação de Tite para jogos das Eliminatórias, mais polêmicas. Todos aguardavam as convocações dos goleiros Cássio, do Corinthians e Vanderlei, do Santos. E seriam muito merecidas. Afinal de contas, um deles é um ponto de sustentação da melhor defesa do Campeonato Brasileiro, enquanto o outro é o goleiro de maior destaque no futebol nacional na temporada. Porém, a valorização e o reconhecimento veio apenas para Cássio. Vanderlei, assim como em convocações anteriores – onde Diego Alves, Weverton e outros foram chamados – foi preterido.

Não entro em teorias da conspiração, muito menos acuso nosso excelente treinador de clubismo. Tite chegou e trouxe de volta a vontade do brasileiro em assistir os jogos da Seleção. Trouxe de volta aquele espírito guerreiro e batalhador que o time Canarinho sempre teve. Mas, de fato, algumas injustiças vem sendo cometidas nesse período de um ano à frente da equipe pentacampeã mundial.

Mas não contesto a convocação merecida de Cássio, já citei no início do texto que era também aguardado que o goleiro corinthiano fosse chamado. O meu problema é com a insistência em Alisson Becker, da Roma. Tudo bem que foi o goleiro de confiança de Tite nos primeiros jogos e cumpriu seu papel. Mas, não consigo enxergar um goleiro que fez apenas 15 jogos em uma temporada inteira na Europa como titular absoluto da Seleção Brasileira. Alisson é apenas mediano, em minha opinião. Não fez nada demais que justifique ser um dos nomes certos na Copa do Mundo de 2018.

Enquanto Alisson não mostra futebol suficiente para ser convocado, muito menos para ser titular, Vanderlei e Cássio vem cumprindo muito bem esse papel. Convocado, o goleiro do Corinthians disputou 46 jogos até o momento na temporada, sendo 19 no Campeonato Brasileiro. Levou apenas 9 gols. Tem tido atuações excelentes e é um dos pilares da forte defesa do alvinegro paulista, que, vale ressaltar, está invicto no Brasileirão. Vanderlei fez menos jogos na temporada, 32, mas nem por isso tem tido menos destaque. É o goleiro com mais defesas difíceis no Brasileirão e também não vejo nenhum outro arqueiro com atuações de maior destaque que as do goleiro do alvinegro praiano.

RODRIGO CAIO OU GEROMEL?

Outro ponto de grande contestação geral foi a opção pelo jovem Rodrigo Caio. É uma grande promessa, tem apenas 23 anos. Foi campeão olímpico e não há dúvidas quanto a sua capacidade e qualidade. Além disso, é um jogador coringa. Pode atuar tanto na zaga, como na volância. Sem dúvidas, é um atleta para o futuro da Seleção Brasileira. Se mantiver o bom futebol que tem, será nome certo em convocações pós-Copa de 2018. Mas, no momento, visando a disputa do próximo mundial e a luta pelo hexacampeonato, não seria a minha opção.

Pedro Geromel, 31 anos, é um atleta muito mais experiente. Talvez não exista futuro para ele após a Copa da Rússia. Nem por isso quer dizer que não mereça oportunidades. Desde 2016 é o melhor zagueiro em atividade no futebol brasileiro e isso é comprovado tanto em suas atuações, quanto nos seus números. Apenas na atual temporada, com ele em campo, o Grêmio venceu 65% dos seus jogos.

Já que Marquinhos, Miranda e Thiago Silva parecem ser nomes certos na lista de Tite para a Copa do Mundo, essa última zaga deveria ser preenchida por Geromel. Não consigo enxergar motivos suficientes para que Rodrigo Caio, e até mesmo Gil, estejam à frente do defensor gremista. Nem em atuações, nem pensando em futuro.

Infelizmente a cada convocação fica comprovado que ir à seleção não é mérito, não adianta ser o melhor da sua posição se o treinador não enxergar que você deve ser convocado. Sei que Tite sabe o que faz, mas isso não tira a minha razão em fazer críticas sobre suas escolhas. Torço para que continue dando certo, como vem acontecendo, e que essas preferências, em meu ver equivocadas, não sejam cruciais em um possível fracasso.

Heider Mota

Baiano, 21 anos, estudante de jornalismo e amante dos esportes.

Twitter: @heiderzito

%d blogueiros gostam disto: