Os estádios mais temidos do Brasil

Tem estádio que assusta demais o time adversário. A equipe mandante entra em campo com grandes possibilidades de vencer graças ao caldeirão que se forma no local – a química entre torcida e jogadores, formando um ambiente extremamente favorável para grandes partidas.

Listamos aqui os estádios mais temidos do futebol brasileiro. Confira a lista e veja se você concorda com ela:

Estádio Independência (Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG)

O “Horto” recebe jogos do Atlético/MG, mas é a casa do América/MG. Nele, o Galo trilhou boa parte das suas campanhas que renderam os títulos da Libertadores, em 2013, e da Copa do Brasil, em 2014. Com mais de 23 mil lugares de capacidade após a reforma, o estádio tornou-se um caldeirão e quase sempre está lotado. Em março deste ano, o Atlético chegou a 100 vitórias no estádio. Até a data da publicação desse texto, o Galo acumula 112 vitórias, 35 empates e 20 derrotas. Foram 336 gols marcados no Horto. Tivemos também jogos marcantes como o 1×1 com o Tijuana-MEX e o 2×0 com o Newell’s Old Boys, na Libertadores 2013.

 

Allianz Parque (Foto: Facebook Forza Palestrina)

A casa do time que mais vezes levantou o caneco do Brasileirão, o poderoso alviverde imponente sente os gritos vindo das arquibancadas, causando muita pressão em seus adversários.

 

Arena do Grêmio

Famoso por sua força em casa e ainda leva o apelido de “Imortal”, com vocês a Arena do Grêmio: bela, porém bastante perigosa, em mata mata esse estádio costuma fazer a diferença para os gremistas.

 

Ilha do Retiro

A Ilha do Retiro é sem sombra de dúvidas um caldeirão. O estádio, que tem capacidade para 29 mil pessoas, segue a pegada dos “estádios raiz” e quando a torcida do Sport comparece em peso é difícil suportar a presão. No estádio aconteceram jogos que renderam títulos ao Leão da Ilha: 1×0 sobre o Guarani no Brasileirão de 87, o empate em 2×2 com o Vitória na Copa do Nordeste de 2000, o histórico triunfo por 2×0 em cima do Corinthians na Copa do Brasil de 2008, além de inúmeros títulos estaduais.

 

Morumbi

Casa do tricolor paulista, o Morumbi é o estádio com maior capacidade da lista. Só esse fato já mostra o quão “assustador” ele pode ser para os adversários. Quando lotado, mais de 70 mil vozes empurram o São Paulo rumo às vitórias. No Cícero Pompeu de Toledo, o tricolor venceu quase 1000 jogos dos mais de 1600 disputados.

 

Arena Corinthians

Estádio mais recente da lista. Apesar disso, o Timão quase sempre se dá bem quando joga dentro de casa. Em 2016 o Corinthians alcançou 32 jogos de invencibilidade dentro do seu caldeirão. O título do Paulistão 2017 foi conquistado dentro dos domínios corinthianos. Outra marca a se destacar: nos primeiros 100 jogos foram apenas sete derrotas. Poucas vezes o estádio está vazio e isso ajuda o Corinthians a conseguir grandes resultados quando atua dentro de casa.

%d blogueiros gostam disto: