QUEREMOS A COPA #21 – Grêmio perfeito

Crédito foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA

A atuação tricolor na noite de ontem foi praticamente perfeita em todos os aspectos, tanto na parte tática, quanto na estratégia da equipe, deixando a bola para o Barcelona e explorando os contra ataques, sobretudo no primeiro tempo. O Grêmio jogou ontem como há muito tempo não jogava e a presença de Luan é peça chave para o retorno do bom desempenho tricolor. Confesso que me surpreendeu a eficiência, o alto amadurecimento e também a frieza do time gremista, que basicamente ignorou o estádio lotado em Guayaquil.

Para quem acompanha a Copa Libertadores da América desde o início, não surpreende a fragilidade defensiva do Barcelona dentro de casa. De fato, a equipe equatoriana é longe de ser imbatível em seus domínios e frequentemente leva gols. Entretanto, um 3×0 não é todo dia que se vê, ainda mais tratando-se de semifinal de Libertadores. Por outro lado, não destaco somente a fragilidade do Barcelona, mas sim o fato de que o Grêmio foi tão preciso e perfeito que não sofreu ameaça alguma durante os 90 minutos, além do mais, na parte final do jogo o resultado poderia até ser mais elástico. Resumindo, o Grêmio tornou o jogo teoricamente fácil e não é o Barcelona que é ruim.

Embora eu considere que o Barcelona jogue melhor fora de casa e relembrando as eliminações de Santos e Palmeiras, ambas no Brasil, confesso que o 3×0 é uma vantagem extraordinária e quase irreversível. Só um milagre tira essa vaga do time gaúcho. Todos os jogadores estão de parabéns pela espetacular vitória e o desempenho de alto nível. Confira abaixo alguns dos destaques de ontem:

Luan: Craque e monstruoso. O camisa 7 incorporou Renato Portaluppi e comandou a vitória tricolor marcando dois gols. Mesmo voltando de lesão, Luan colocou o jogo embaixo do braço e prova pela enésima vez a sua importância e qualidade para o time, mostrando ser de outra turma, diferenciado.

Jaílson: Foi a surpresa da noite. O jovem volante mostrou segurança defensivamente e qualidade para sair jogando. Cumpriu muito bem sua função, fazendo a torcida e o time não sentir saudade de Michel, que é o titular da posição.

Arthur: Outro monstro. É muito lindo ver o Arthur jogando futebol e na minha opinião ele estará entre os convocados para a Copa do Mundo da Rússia em 2018. Ontem, ele não foi brilhante, mas seguiu o seu padrão de qualidade que estamos acostumar a apreciar.

Grohe: Fez a defesa da sua vida, mágico, salvador, milagroso e exemplo de superação dentro do clube.

Resta agora para o Grêmio confirmar a sua vaga para a final, visto que ela não está garantida ainda. E aguardar o vencedor de Lanús x River Plate, que jogam na terça. O Grêmio tem tudo para disputar a sua 5ª

Grêmio traz uma confortável vantagem para Porto Alegre. Crédito foto: Divulgação/ Grêmio FBPA

final de Libertadores e se seguir com esse futebol, dificilmente o Tri escapará. QUEREMOS A COPA !!!

 

%d blogueiros gostam disto: