CAMPEÃO DO SÉCULO #6 – Leila: o monstro

Há 3 anos, a Crefisa era somente uma empresa de crédito para negativados sem muita evidência no cenário nacional. À época, pensar que a dona dessa empresa passaria de empresária comum à pré-candidata à presidência do Palmeiras seria loucura. Hoje, já é realidade.

A ascensão assustadoramente rápida de Leila Pereira passa por fraudes, promessas e dinheiro. Muito, muito dinheiro. Dinheiro tanto a ponto de romper publicamente com o nome mais influente (e desgostoso) da sempre conturbada política palmeirense – Mustafá Contursi – e continuar gozando de prestígio interno.

Nessa semana, Leila justificou o rompimento dizendo “Mustafá me decepcionou muito”. Na mesma entrevista, disse que já havia desconfiança dela com relação ao cartola anteriormente (na questão de cambismo), que quer ser presidente e que, “de forma hipotética”, compraria o Palmeiras. Absurdo, mas não distante. Já comprou, na verdade. Politicamente.

Nesse mesmo ano de 2017, a empresária ameaçou romper o patrocínio com o Palmeiras se Mattos fosse demitido. Já tinha tido essa atitude outras vezes. Para uma conselheira, se posicionar contra seria, de fato, conivente e necessário. Porém, como patrocinadora, ela não tem direito algum de comentar sobre a política do clube. A Crefisa paga um valor anual e recebe em troca toda a evidência que um time do porte do Palmeiras tem a capacidade de oferecer. E deveria parar por aí.

Não bastasse fazer comentários inconvenientes, ainda é controversa. Vejam só: como que alguém que diz querer o melhor para o Palmeiras simplesmente tiraria todo o dinheiro de investimento no clube simplesmente por… política? Sim, amigos, a constatação é óbvia: ela não quer o bem do clube, ela quer o seu próprio. Característica, aliás, presente quase na totalidade de cartolas palmeirenses.

O pior não é ela ter esses posicionamentos. O pior é ela conseguir essa ascensão meteórica com eles.

Criamos um monstro que já se desprendeu do seu mentor. Agora, será muito difícil de domar.

Por Fellipe Sartori

 

%d blogueiros gostam disto: