VIBRANTE E FORTE #10 – Habemus técnico

Por: Rafael Alves (@rafaelfec_)

Fumaça branca no Pici. Rogério Ceni é o novo técnico do Fortaleza para 2018. As conversas foram iniciadas desde a vinda do treinador à capital cearense – aquele dia da foto que circulou pelas redes sociais, dando origem às especulações e aos boatos. No início, nada confirmado, mas a história ganhou força a partir de ontem, com o interesse se tornando público.

De acordo com o que foi divulgado, Rogério Ceni chega com mais dois auxiliares. O técnico pediu autonomia para a formação do elenco em 2018, incluindo indicações e participação nas negociações com atletas. A nossa diretoria acatou a exigência, a negociação avançou e o clube chegou ao acordo com o ex-goleiro.

A expectativa é de que o Fortaleza confirme a notícia nas próximas horas. No início da tarde de hoje, a informação era que o anúncio poderia ser feito até o final da semana. Com a negociação fechada, a torcida percebeu uma movimentação nas redes sociais, quando a torcida do São Paulo começou a desejar votos de sorte a Rogério Ceni.

Logo, a notícia circulou e várias páginas de notícias do Fortaleza já confirmavam Rogério Ceni como técnico do clube. A diretoria apenas confirma o que prometeu: um treinador com referência nacional para o ano do centenário do clube. O ex-goleiro deve ser apresentado até o final do mês na sala de imprensa do Leão.

Opinião

Com os nomes divulgados e especulados para assumir o comando do Fortaleza, creio que Rogério Ceni foi uma ótima escolha. Fica com a responsabilidade de participar ativamente da formação do elenco para 2018. O ano do centenário requer muita seriedade. Se o mesmo pediu autonomia e se sente preparado, a escolha foi inquestionável.

A passagem do ex-goleiro pelo São Paulo como treinador não deixou uma boa imagem ao mercado. É verídico: o Tricolor Paulista melhorou com a saída do técnico. Rogério Ceni, agora, tem a oportunidade de refazer sua história. O Fortaleza vai para o ano do centenário. Sem dúvidas, é a missão para ele se firmar como um nome de peso no futebol brasileiro. É esperar pra ver.

Pressão

Assumir o Fortaleza será o primeiro grande desafio de Rogério Ceni como técnico. Neste ano, apesar do acesso à Série B ter sido conquistado, a temporada deixou um gosto amargo. A mediocridade do elenco e a péssima campanha no Campeonato Cearense e na Taça Fares Lopes deixou o Leão fora da Copa do Nordeste e da Copa do Brasil no ano mais importante de sua história.

Agora, restaram apenas duas competições para o calendário do Leão: o Campeonato Cearense e o Campeonato Brasileiro Série B. Assim, se torna mais que obrigação a conquista do título estadual e o acesso à Série A. Desculpas não serão aceitas para que isso não aconteça.

Saudações Tricolores.

%d blogueiros gostam disto: