Turnover – Não existem ateus durante os playoffs da NFL

Estou escrevendo este texto no domingo a noite, pouco depois da épica vitória dos Vikings sobre os Saints, por 29-24. Um jogo que teve dois FG e um TD nos últimos 100 segundos de partida. Uma batalha entre duas boas defesas e dois ataques muito precisos. Um clássico instantâneo da história da pós-temporada da liga, que é recheada de momentos épicos e sempre nos brinda com algo positivo. E os playoffs desta temporada estão bem insanos.

Precisava vir aqui, no calor do momento, escrever este texto. O jogo foi recheado de alternativas, apresentou roteiros diversos e no final, até quem é ateu passou a clamar por Deus e acreditar em milagres. Não há outra explicação para o que houve naquela terceira descida, faltando 10 segundos no cronômetro, sem nenhum tempo para pedir. Apenas o sobrenatural fez com que o safety de New Orleans errasse aquele tackle, que Diggs conseguisse se manter em campo naquela recepção, que Case Keenum se mostrasse um QB de elite naquele lance, bem como no jogo inteiro.

A narração da rádio de Minnesota para o TD de Diggs é insana: “OH MY GOD, NO WAY! ARE U KIDDING ME????”

Os playoffs desta temporada nos brindaram com vitórias épicas como os Titans virando sobre os Chiefs no WildCard, ou os Eagles batendo os Falcons no último sábado. Mas a vitória dos Vikings sobre os Saints foi algo do sobrenatural, algo diferente. Isso porque se há uma equipe que já sofreu com jogadas “miraculosas” contra, foram os Vikings. Field Goals errados no estouro do cronômetro, FG acertados contra em prorrogação contra, enfim. Aconteceu um pouco de tudo. Quando Brees conduziu a campanha e os Saints anotaram o FG, parecia que a história estava se repetindo. Só que dessa vez não foi assim. Os Vikings venceram e agora estão na final da NFC, a um passo de jogarem o Superbowl em casa. A missão passa por superar os Eagles na Filadélfia, o que promete ser um jogão.

Já na AFC, temos o sempre favorito Patriots recebendo o Jacksonville Jaguars que superou os Steelers em Pittsburgh no outro jogaço do domingo. 45-42, um jogo com muitas alternativas, um verdadeiro tiroteio que só foi decidido nos instantes finais. Os Steelers lutaram até o fim mas não foram páreos para o jogo corrido dos Jaguars e a defesa que apareceu em momentos cruciais no primeiro tempo, ainda que tenha sofrido 42 pontos ao final do jogo. Enquanto isso, os Patriots fizeram um amistoso de luxo contra os Titans, vencendo por 35-14 no último sábado de forma tranquila.

Quem não conhecia a NFL e começou a assistir hoje, deve ter tido uma grata surpresa. Quem conhecia e já acompanhava, deve ter visto um dos melhores jogos da história dos playoffs. No final do dia, não existe amor que não comporte este esporte maravilhoso. Nem ateus quando se assistem aos milagres de janeiro. Pergunte a um torcedor dos Vikings…

 

SIGA AS NOSSAS REDES SOCIAIS:

Twitter: @hte__sports
Instagram: @htesports
Facebook: facebook.com/hte-sports

 

%d blogueiros gostam disto: